Pular para o conteúdo principal

Vencedores do Emmy Awards 2017


2017 entra pra história do Emmy como o ano que fizeram "tudo certo". 

O Emmy é uma premiação sempre polêmica, inconclusiva e injusta, como convenhamos, toda premiação. Mas por incrível que pareça os vencedores da edição desse ano foram bem recebidos pelo público e crítica. Claro, um ou outra série tem certa preferência de cada telespectador, porém, não se pode negar a qualidade dos premiados.

Game of thrones, o maior vencedor da história do evento, não esteve presente, fato que gerou piada para o apresentador Stephen Colbert. Foi cômico mas foi verdade: os vencedores deveriam agradecer a série por não estar levando todas as estatuetas esse ano.

Muitos ganharam o Emmy pela primeira vez: Donald Glover foi o primeiro negro a ganhar em uma categoria de direção, por "Atlanta". Lena Waithe se tornou a primeira roteirista negra a levar uma estatueta. E Reed Morano foi a primeira mulher a vencer como diretora em 22 anos.

Abaixo você confere a lista dos vencedores,destacados em negrito.



Melhor série dramática
  • "House of Cards"
  • "Better Call Saul"
  • "The Crown"
  • "The Handmaid's Tale"
  • "This Is Us"
  • "Westworld"
  • "Stranger Things"
Melhor atriz em série dramática
  • Claire Foy ("The Crown")
  • Elisabeth Moss ("The Handmaid's Tale")
  • Robin Wright ("House of Cards")
  • Evan Rachel Wood ("Westworld")
  • Viola Davis ("How to Get Away with Murder")
  • Keri Russell ("The Americans")
Melhor ator em série dramática
  • Sterling K. Brown ("This Is Us")
  • Anthony Hopkins ("Westworld")
  • Bob Odenkirk ("Better Call Saul")
  • Matthew Rhys ("The Americans")
  • Liev Schreiber ("Ray Donovan")
  • Milo Ventimiglia ("This Is Us")
  • Kevin Spacey ("House of Cards")
Melhor série limitada
  • "Big Little Lies"
  • "Feud"
  • "The Night Of"
  • "Fargo"
  • "Genius"
Melhor filme para a TV
  • "The Wizard of Lies"
  • "The Immortal Life of Henrietta Lacks"
  • "The Lying Detective"
  • "Black Mirror: San Junipero"
  • "Dolly Parton's Christmas of Many Colors: Circle of Love"
Melhor atriz em série limitada ou filme para a TV
  • Nicole Kidman ("Big Little Lies")
  • Jessica Lange ("Feud")
  • Susan Sarandon ("Feud")
  • Reese Witherspoon ("Big Little Lies")
  • Carrie Coon ("Fargo")
  • Felicity Huffman ("American Crime")
Melhor ator em série limitada ou filme para a TV
  • Riz Ahmed (“The Night Of”)
  • Benedict Cumberbatch (“Sherlock: The Lying Detective”)
  • Robert De Niro (“The Wizard of Lies”)
  • Ewan McGregor (“Fargo”)
  • Geoffrey Rush (“Genius”)
  • John Turturro (“The Night Of”)
Melhor série de comédia
  • "Veep"
  • "Atlanta"
  • "Black-ish"
  • "Master of None"
  • "Modern Family"
  • "Silicon Valley"
  • "Unbreakable Kimmy Schmidt"
Melhor ator em série de comédia
  • Anthony Anderson ("Black-ish")
  • Aziz Ansari ("Master of None")
  • Zach Galifianakis ("Baskets")
  • Donald Glover ("Atlanta")
  • William H. Macy ("Shameless")
  • Jeffrey Tambor ("Transparent")
Melhor atriz em série de comédia
  • Ellie Kemper ("Unbreakable Kimmy Schmidt")
  • Allison Janney ("Mom")
  • Julia Louis-Dreyfus ("Veep")
  • Tracee Ellis Ross ("Black-ish")
  • Lily Tomlin ("Grace and Frankie")
  • Jane Fonda ("Grace and Frankie")
  • Pamela Adlon ("Better Things")
Melhor ator coadjuvante em série dramática
  • Jonathan Banks ("Better Call Saul")
  • Ron Cephas Jones ("This Is Us")
  • David Harbour ("Stranger Things")
  • Michael Kelly ("House of Cards")
  • John Lithgow ("The Crown")
  • Mandy Patinkin ("Homeland")
  • Jeffrey Wright ("Westworld")
Melhor atriz coadjuvante em série de comédia
  • Vanessa Bayer ("Saturday Night Live")
  • Anna Chlumsky ("Veep")
  • Kathryn Hahn ("Transparent")
  • Leslie Jones ("Saturday Night Live")
  • Judith Light ("Transparent")
  • Kate McKinnon ("Saturday Night Live")
Melhor atriz coadjuvante em série limitada ou filme para a TV
  • Judy Davis ("Feud: Bette and Joan")
  • Laura Dern ("Big Little Lies")
  • Jackie Hoffman ("Feud: Bette and Joan")
  • Regina King ("American Crime")
  • Michelle Pfeiffer ("The Wizard of Lies")
  • Shailene Woodley ("Big Little Lies")
Melhor direção em série de comédia
  • Donald Glover (“Atlanta”)
  • Jamie Babbit (“Silicon Valley”)
  • Mike Judge (“Silicon Valley”)
  • Morgan Sackett (“Veep”)
  • David Mandel (“Veep”)
  • Dale Stern (“Veep”)

  • Melhor série de variedades em esquetes
  • “Billy On The Street” (truTV)
  • “Documentary Now!” (IFC)
  • “Drunk History” (Comedy Central)
  • “Portlandia” (IFC)
  • “Saturday Night Live” (NBC)
  • “Tracey Ullman’s Show” (HBO)
Melhor roteiro em série dramática
  • Joe Weisberg and Joel Fields (“The Americans”)
  • Gordon Smith (“Better Call Saul”)
  • Peter Morgan (“The Crown”)
  • Bruce Miller (“The Handmaid’s Tale”)
  • The Duffer Brothers (“Stranger Things”)
  • Lisa Joy and Jonathan Nolan (“Westworld”)
Melhor ator coadjuvante em série de comédia
  • Louie Anderson ("Baskets")
  • Alec Baldwin ("Saturday Night Live")
  • Tituss Burgess ("Unbreakable Kimmy Schmidt")
  • Ty Burrell ("Modern Family")
  • Tony Hale ("Veep")
  • Matt Walsh ("Veep")
Melhor direção em série limitada, filme ou especial de drama
  • Jean-Marc Vallee (“Big Little Lies”)
  • Noah Hawley (“Fargo”)
  • Ryan Murphy (“Feud: Bette & Joan”)
  • Ron Howard (“Genius”)
  • James Marsh (“The Night Of”)
  • Steve Zaillian (“The Night Of”)
Melhor ator coadjuvante em série limitada ou filme para a TV
  • Bill Camp ("The Night Of")
  • Alfred Molina ("Feud: Bette and Joan")
  • Alexander Skarsgard ("Big Little Lies")
  • David Thewlis ("Fargo")
  • Stanley Tucci ("Feud: Bette and Joan")
  • Michael K. Williams ("The Night Of")
Melhor roteiro de série de variedades
  • "Late Night With Seth Meyers"
  • "The Late Show With Stephen Colbert"
  • "Saturday Night Live"
  • "Last Week Tonight With John Oliver"
  • "Full Frontal With Samantha Bee"
Melhor atriz coadjuvante em série dramática
  • Uzo Aduba ("Orange Is the New Black")
  • Millie Bobby Brown ("Stranger Things")
  • Ann Dowd ("The Handmaid’s Tale")
  • Chrissy Metz ("This Is Us")
  • Thandie Newton ("Westworld")
  • Samira Wiley ("The Handmaid’s Tale")
Melhor roteiro de série de comédia
  • Donald Glover (“Atlanta”)
  • Stephen Glover (“Atlanta”)
  • Aziz Ansari and Lena Waithe (“Master of None”)
  • Alec Berg (“Silicon Valley”)
  • Billy Kimball (“Veep”)
  • David Mandel (“Veep”)
Melhor reality show de competição
  • “The Amazing Race” (CBS)
  • “American Ninja Warrior” (NBC)
  • “Project Runway” (Lifetime)
  • “RuPaul’s Drag Race” (vh1)
  • “Top Chef” (Bravo)
  • “The Voice” (NBC)
Melhor direção em série dramática
  • Vince Gilligan (“Better Call Saul”)
  • Stephen Daldry (“The Crown”)
  • Reed Morano (“The Handmaid’s Tale”)
  • Kate Dennis (“The Handmaid’s Tale”)
  • Lesli Linka Glatter (“Homeland”)
  • The Duffer Brothers (“Stranger Things”)
  • Jonathan Nolan (“Westworld”)
Melhor roteiro em série limitada, filme ou drama
  • David E. Kelley (“Big Little Lies”)
  • Charlie Brooker (“Black Mirror: San Junipero”)
  • Noah Hawley (“Fargo”)
  • Ryan Murphy (“Feud: Bette and Joan”)
  • Jaffe Cohen, Michael Zam and Ryan Murphy (“Feud: Bette and Joan”)
  • Richard Price and Steven Zaillian (“The Night Of”)
Melhor direção de série de variedades
  • Derek Waters & Jeremy Konner (“Drunk History”)
  • Andy Fisher (Jimmy Kimmel Live”)
  • Paul Pennolino (“Last Week Tonight with John Oliver”)
  • Jim Hoskinson (“The Late Show with Stephen Colbert”)
  • Don Roy King (“Saturday Night Live”)
Melhor programa de variedades
  • "Last Week Tonight" (HBO)
  • "Full Frontal with Samantha Bee" (TBS)
  • "Jimmy Kimmel Live!" (ABC)
  • "The Late Show with Stephen Colbert" (CBS)
  • "The Late Late Show with James Corden" (CBS)
  • "Real Time with Bill Maher" (HBO)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Agenda de Séries

Agenda de séries:

Fique por dentro das séries que vão ao ar no dia nos Estados Unidos com essa super agenda.  Dúvidas, críticas elogios... Caso haja algum erro na agenda, mencione-o nos comentários.

Netflix Divulga TOP 10 Séries mais vistas por super maratonistas

PREPARAR, APONTAR, ASSISTIR: MAIS DE 8 MILHÕES DE ASSINANTES QUEREM SER OS PRIMEIROS  NA MARATONA DE SÉRIES DA NETFLIX
Um novo tipo de aficionado surgiu com a Netflix, e eles estão correndo para serem os primeiros a terminar séries como Stranger Things, House of Cards, Fuller House e outras . Assistir a uma série inteira antes de todo mundo virou um novo símbolo de status.
A Netflix mudou a forma como o mundo se relaciona com séries  - espectadores podem assistir quando, onde, como quiserem e, principalmente, em qualquer ritmo. Ao fazer isso, a Netflix viu o surgimento de um novo tipo de fã: o super maratonista. Completando em um dia o que os outros levam semanas, os super maratonistas se empenham para serem os primeiros a terminar uma série, assistindo a uma temporada inteira nas primeiras 24 horas após o lançamento. 

No total, 8,4 milhões de assinantes da Netflix se tornaram super maratonistas, e a única coisa mais rápida do que o ritmo em que eles assistem a séries é o ritmo de cresc…

Entendendo Game Of Thrones

Game of Thrones é uma série que acaba se tornando bem difícil de explicar, e isso ocorre justamente por causa da complexidade dos personagens, que são muitos, e pela quantidade de subtramas existentes. Então, meu objetivo com esse texto é fazer com que uma pessoa que nunca viu ou que não tenha entendido muito a premissa da série, entenda de forma clara qual a principal narrativa. Nesse texto não vou entrar em detalhes sobre os personagens e subtramas (senão você ficaria horas aqui lendo), apenas vou tentar mostrar a direção e o que a série propõe.
Como todos sabem, a série Game Of Thrones (produzida pela HBO) é a adaptação dos livros de fantasia épica escritos por George R.R. Martin, que são chamados de As crônicas de gelo e fogo. Já se passaram a 1° e 2° temporada, adaptando o primeiro (A guerra dos tronos) e o segundo (A fúria dos reis) livro, respectivamente. E nesse domingo é a estreia da terceira temporada, que irá adaptar a primeira parte do terceiro livro (A tormenta das espadas…

O Fim da Saga Red John em "The Mentalist"

Por Jaqueline Pigatto
Chegou ao fim uma das maiores sagas dos seriados da atualidade. Patrick Jane finalmente colocou as mãos em Red John, o serial killer que matou sua esposa e filha. A série, que teve início há 6 anos, sempre focou na busca do protagonista por vingança, com Red John sempre alguns passos à frente, criando mais perguntas para as poucas respostas que conseguíamos, praticamente entrando na mente de Jane e roubando uma memória feliz, até conseguindo sua lista de suspeitos, revelada ao final da quinta temporada.
A partir dali sabíamos que o momento tão esperado chegaria. A produção confirmou: vamos descobrir nessa temporada quem é Red John. Os 7 suspeitos da lista eram personagens que frequentemente passavam pela série, em sua maioria policiais ou ligados ao governo. Pessoas de poder e influência. Mas poucos fãs acreditavam que realmente seria um daqueles. Sempre teve a teoria de que o Red John seria o próprio Patrick Jane. O bizarro Brett Partridge era uma das principais…

Especial: TOP 5 séries que você não deve assistir com a sua mãe

Olá, leitores! Hoje não é um dia qualquer, não é um simples domingo onde você, caro leitor, comerá um pedaço de pizza do sábado à noite no almoço, porque hoje é o dia das mulheres da vida de cada um de vocês, das mulheres que consideram sagradas. Hoje é dia das mães! O Viciado Em Série não poderia deixar de prestar sua homenagem, contudo, decidido a fazer algo diferente do bom e velho “TOP 5/10 Mães de Séries/Filmes”, segue o "TOP 5 Séries Que Você Não Deve Assistir Com a Sua Mãe".
5º Lugar - Game of Thrones

Uma série da HBO para maiores de 18 anos cheia de nudez, cenas de sexo, incesto, orgias, guerras, violência de todos os tipos, entre outras situações embaraçosas. Game of Thrones, definitivamente, não é o tipo de série para você assistir ao lado da sua querida e sagrada mãe, afinal, qual filho não fica constrangido diante uma cena de sexo em um filme aleatório sendo assistido junto dela? Agora imagina uma cena dessas entre dois irmãos... Pois é, MELHOR NÃO! 
4º Lugar – Tr…