The Walking Dead: "Last Day on Earth" 6x16 [Season Finale]


Uma pessoa vivendo um casamento infeliz e não tem atitude de largá-lo: essa é a minha relação com The Walking Dead.

Você está em um casamento e como todos sabem, tem altos e baixos. Você passa dias ruins e esporadicamente você acaba tendo momentos bons. Surge uma viagem ou um fim de semana de paz e amor, mas, ao voltarmos para o dia a dia, aquela vidinha triste e sem graça continua.

Você fica na esperança que um dia as coisas vão melhorar mas não melhoraram. Essa esperança faz com que você não tenha atitude ou coragem de largá-la, porque esses bons momentos poderão fazer falta, além de ter esperança de que UM DIA as coisas irão melhorar. Nunca melhoram. 

Felizmente existe a "poligamia" nas séries, você não precisa ficar fiel a apenas uma, se não, The Walking Dead, já tinha pedido o divórcio a muito tempo.

A série sempre vem com boas voltas e desfechos, enquanto o recheio da temporada vem sempre com episódios de ruins a péssimos. E foi o que aconteceu, agora, de novo, com a segunda metade da sexta temporada. Um bom retorno e uma sequência de episódios ruins, com história sem pé e nem cabeça, com relapsos nos seus últimos minutos.


E tudo culminou no episódio "Last Day on Earth", episódio que trouxe desnecessários 65 minutos, com muita morosidade, muitos diálogos irrelevantes, muito tédio. É um verdadeiro afronto ao telespectador, poderiam facilmente enxugar o episódio e contar aquela "história" em no máximo 30 minutos. Mas claro, um comercial em um season finale da série vale uma nota e quanto mais, melhor. Quanto mais tempo o episódio, mais dinheiro. E eles não estão (muito) errados, tudo na TV envolve dinheiro, mas a crítica tem que ser feita.

Após Rick ter matado o impostor Negan em "The Same Boat", a série praticamente abandou esse tema, retomando só agora em seu season finale. Uma crise infantil de drama de Carol e Daryl e a necessitada busca de cuidados médicos para Maggie, fez com que todos saíssem de Alexandria e foram cercados pelos comparsas de Negan. Minutos morosos e intermináveis fizeram nossos sobreviventes, todos, serem capturados e encarem o "sorvete colorido" do "vilão".

Isso mesmo, "Vilão" entre asparas, porque, convenhamos, Negan estava quieto em seu canto e os imbecis comandados por Rick resolveram fazer merda. Desculpe, mas não consegui deixar de escrever as palavra "merda" e "imbecis" nesse texto, estava me segurando. 


Em busca de comida, Rick fez pacto com o diabo, ou melhor, com Jesus, dando sua segurança em troca de alimento. Atitude esdruxula que causou, de novo, toda essa merda. Eles, agora, são os vilões da série. Os produtores desconstruíram os personagens, fizeram deles assassinos, e agora, que morram todos, será merecido.

E claro, um cliffhanger foi deixado, alguém morreu naquela roda. Óbvio que não será nenhum dos principais, e claro, um irrelevante sairá da série. E claro, adeus Aaron. Já vai tarde, poderia levar metade dessa roda com você, mas Negan quer que eles "trabalhem" para ele, vamos ver no que isso vai dar. 

Seis anos de "casamento". Até quando. 

Avaliação:
*****
Tecnologia do Blogger.