Better Call Saul: "Gloves Off" 2x04


E as coisas começam a esquentar em Better Call Saul com personagens 
conhecidos fazendo a diferença.

Já disse a algum tempo que Better Call Saul tem que caminhar com as próprias pernas, e a série já atingiu esse objetivo a algum tempo. Mas quando algo ou alguém remete a momentos que vimos em Breaking Bad, o brilho nos olhos do telespectador fala por si, e muito disso foi visto nesse brilhante "Gloves Off".

Óbvio que esperamos -- em algum momento -- aparições de personagens que estiveram em Breaking Bad. Vince Gilligan já disse várias vezes que alguns serão vistos na série, inclusive Walter e Jesse, mas isso não por agora. O site IMDB chegou a dar "spoiler" dizendo que Gustavo Fring seria o homem que Mike iria tentar matar. O que temos nesse momento são personagens figurantes e alguns importantes, principalmente Tuco Salamanca, crápula que exala pavor em todos ao seu redor. Crazy8 veio de brinde. 

Tuco já tinha sido inserido na primeira temporada, mas por ser parceiro/chefe de Nacho, ele teria que aparecer em algum momento e já não passava da hora. Mas o personagem não vai ser regular em Better Call Saul e os produtores deram um -- super -- jeito de resolver esse problema. Tuco aparece para ir em cana, cadeia nele, em armação perspicaz planejada por Mike.  

Ele ainda não voltou à escuridão e está fazendo de tudo para que isso não aconteça. Precisa de dinheiro, mas não quer sujar as mãos -- ainda -- pra valer. Saiu do episódio esmagado mas feliz e com dinheiro no bolso. Uma trama fantástica que amarrou as pontas que estavam soltas sobre esse tema, pode ter certeza que não veremos mais Tuco em Better Call Saul.

Sensacional Mike mencionar que com a morte de Tuco seria muito pior pra Nacho. Que a família Salamanca iria querer saber quem matou o traficante, iria interferir nos negócios, enfim, exatamente como aconteceu em Breaking Bad. 

E o protagonista esteve em segundo plano nesse episódio. Jimmy levou broncas merecidas de todos os lados. Infelizmente ele tem agido fora da lei, mesmo obtendo números positivos. Ele não sabe trabalhar de outro jeito, e pior, está prejudicando e muito Kim, que tem contado muitas vezes até 1000 para não largá-lo de vez.

Está pouco se lixando para o seu emprego, queria ouvir da boca de seu irmão um bom motivo para largar, até mesmo a profissão. Mas Jimmy tem -- e sabemos que vai -- mesmo que fazer isso, se não vai perder muito mais do que dinheiro e carreira, perderá Kim.

O desenvolvimento de Better Call Saul está lembrando muito Breaking Bad. A cada episódio a trama fica mais tensa, mais envolvente, e a série de Goodman tem ponto positivo por ter mais momentos de humor. Better Call Saul segue com um episódio melhor do que outro, fazendo com que não desgrudemos os olhos da tela. A expectativa aumenta, a empolgação também, e claro, isso é bom pra todos os lados.

Tecnologia do Blogger.