Nashville: "That's Me Without You" [Review - Season Premiere]


Nashville voltou sambando na cara da sociedade. Com músicas sendo performadas ao vivo, a série de Callie Khouri fez a Nazaré e sambou bonito. Por sinal, ótimas músicas: melodias e letras fantásticas. Se tem uma coisa que essa série não deixa a desejar, é no quesito musical. Sempre acertam! Aposto que todos já estão pulando em suas poltronas querendo as canções mostradas nesta season premiere


A série voltou sem salto temporal: Rayna tendo que escolher entre Deacon e Luke, e claro, fazendo uma super escolha errada, diga-se de passagem. Por favor, Rainha do Country fictícia que faz auto-tune, todos sabemos que a escolha foi totalmente impulsiva, dava para ver no seu rosto no final do episódio. Bem à lá sorriso de Monalisa. 


Juju surtando cortando suas madeixas louras por causa de Avery foi ótimo. A menina, realmente, o ama. O plot de Julieta (antes que os mimizentos reclamem, isto é totalmente proposital) proporcionou, mais uma vez, o drama, a vulnerabilidade, a instabilidade, uma explosão de sentimentos, que temos o prazer de acompanhar na vida da estrela do country. Claro que gritei por duas horas, mesmo o episódio só tendo 40 minutos, "EU JÁ SABIA" quando o médico jogou aquela bomba nas costas da mesma. Pois é, caros fãs de Nashville, a moça está prenha... 


Will e menina Layla estão com problemas no paraíso. Também pudera, onde já se viu confessar para sua esposa que você é gay e depois querer agir em frente ao público como se nada estivesse acontecido?! Claro que moça está completamente abalada psicologicamente. E venhamos, que inocente dela perguntar ao caubói se ele poderia mudar... Gay não é uma lâmpada que dá para ligar e desligar, Grant, você deveria saber. Ainda sim, as coisas ficarão intensas, pois a produtora do reality show de casal 20 tem a carta certa na manga para forçá-los a continuar fazendo. Não foi falta de aviso, Will.


Diante tanto drama, emoção, intrigas e fofocas, o melhor plot foi proporcionado por Scarlett, Avery e Gunnar. ESTOU RINDO HÁ 33 DIAS COM OS TRÊS! Que roadtrip maravilhosa a deles. É tão divertido ver como os três passaram de toda aquela fase complexa, dramática, por aí vai, para se tornar bons amigos. Por favor, roteiristas, queremos mais destas aventuras boas pra cachorro com o trio ternura. 


E sim, caros, Scarlett vai voltar. Por favor, uma das melhores vozes da série pertence a esta linda atriz, a espetacular Clare Bowen. Muito obrigada, Gunnar, pela sua insistência. Agora, voltem a compor e cantar juntos, nos trazendo aquela sensação orgástica que só as suas vozes combinadas conseguem. Voltem a dar aula de como ser sexy sem ser vulgar cantando.

Bom, o episódio de retorno está gostoso de assistir, com a beleza do contraste entre drama e diversão. Continue assim, Nashville, e iremos te amar mais ainda ao decorrer desta 3º temporada.

That's all folks!
Tecnologia do Blogger.