Constantine: Review do episódio vazado.

Sou aquele que ataca das sombras. De sobretudo e cheio de arrogância. Eu expulsarei seus demônios, chutarei o saco deles e cuspirei neles quando caírem. Eu ando sozinho, pois sejamos sinceros... Quem seria louco o bastante para me acompanhar?


Falhas existem em todos os respiros do planeta. E sim, existe também nesse piloto. Mais temos que admitir,  a abertura de série foi simplesmente excelente!

Bem, o piloto supostamente "Vazou", fizemos nosso trabalho e avaliamos. E sim, só não dizemos que pode ser amor a primeira vista, porque John Constantine não aprovaria. Esse episódio teve seus quarenta e quatro minutos de muito charme e cheio de elegância; manipulação, arrogância, pitadas de comédia e acima de tudo mistério, não faltaram.
Poucos personagens e menos ainda diálogos, características arriscadas para uma série novata. Porém levou-nos a acreditar que estávamos assistindo um filme digno de premiações.
Ator? Perfeito, voz empolgante, aparência quase que fiel aos quadrinhos e charme naturalmente exposto.

NBC e a censura.

Característica marcante de John, são seus cigarros. Trinta por dia. Mais a principio não veremos um se quer na série, alguns órgãos proibiram o consumo de tabacos e similares na TV e para menos problemas a NBC acatou.


Na trama, tivemos John saindo de um sanatório quase que por conta própria após uma paciente de lá mesmo der possuída, e aparentemente somente para mandar um recado para o nosso mais novo sagaz da TV. De lá, ele vai direto ao encontro de Liv Aberdeen para pagar uma promessa feita ao seu amigo e pai da moça,-Bem, isso é o que ele diz, porém fica claro ao final do piloto que a mais coisa por trás dessa historia- Após, Constantine descobre que Liv está sendo perseguida por um demônio que controla eletricidade e pessoas mortas, o derrota com pouco custo e se apresenta com muito bom gosto ao publico.

Contamos com algumas participações bem legais para os fãs da finalizada LOST; Harold Perrineau, ou Michael Dawson se preferirem e ainda o inesquecível Jerem Davies, o Daniel Faraday. Anjo protetor de Constantine e "Cara inteligente" respectivamente, provavelmente farão parte do elenco regular do seriado.




Baseado em uma HQ da DC Comics, John Constantine parece que chegou nas telinhas para ficar de vez. A série trouxe a carga misteriosa e sombria da trilogia de Nolan (Batman), porém naturalmente já tem essa como sua característica. Faltava algo assim na TV.

No episódio, viu-se pouco o uso de seus dons com a magia, com exceção da última cena, que fez fogo surgir entre seus dedos para se defender de misteriosos homens que surgiram do escuro em um beco na saída de um bar. A certeza que fica é que: Haverá mais exorcismo do que poderes ou dons desperdiçados.

John Constantine tem estreia confirmada para 24 de outubro desse ano e traz Daniel Cerone e David Goyer (Batman Begins e O cavalheiro das trevas) na produção executiva.

Fique conosco, torne-se um Viciado em Série.

Tecnologia do Blogger.