Pular para o conteúdo principal

Constantine: Review do episódio vazado.

Sou aquele que ataca das sombras. De sobretudo e cheio de arrogância. Eu expulsarei seus demônios, chutarei o saco deles e cuspirei neles quando caírem. Eu ando sozinho, pois sejamos sinceros... Quem seria louco o bastante para me acompanhar?


Falhas existem em todos os respiros do planeta. E sim, existe também nesse piloto. Mais temos que admitir,  a abertura de série foi simplesmente excelente!

Bem, o piloto supostamente "Vazou", fizemos nosso trabalho e avaliamos. E sim, só não dizemos que pode ser amor a primeira vista, porque John Constantine não aprovaria. Esse episódio teve seus quarenta e quatro minutos de muito charme e cheio de elegância; manipulação, arrogância, pitadas de comédia e acima de tudo mistério, não faltaram.
Poucos personagens e menos ainda diálogos, características arriscadas para uma série novata. Porém levou-nos a acreditar que estávamos assistindo um filme digno de premiações.
Ator? Perfeito, voz empolgante, aparência quase que fiel aos quadrinhos e charme naturalmente exposto.

NBC e a censura.

Característica marcante de John, são seus cigarros. Trinta por dia. Mais a principio não veremos um se quer na série, alguns órgãos proibiram o consumo de tabacos e similares na TV e para menos problemas a NBC acatou.


Na trama, tivemos John saindo de um sanatório quase que por conta própria após uma paciente de lá mesmo der possuída, e aparentemente somente para mandar um recado para o nosso mais novo sagaz da TV. De lá, ele vai direto ao encontro de Liv Aberdeen para pagar uma promessa feita ao seu amigo e pai da moça,-Bem, isso é o que ele diz, porém fica claro ao final do piloto que a mais coisa por trás dessa historia- Após, Constantine descobre que Liv está sendo perseguida por um demônio que controla eletricidade e pessoas mortas, o derrota com pouco custo e se apresenta com muito bom gosto ao publico.

Contamos com algumas participações bem legais para os fãs da finalizada LOST; Harold Perrineau, ou Michael Dawson se preferirem e ainda o inesquecível Jerem Davies, o Daniel Faraday. Anjo protetor de Constantine e "Cara inteligente" respectivamente, provavelmente farão parte do elenco regular do seriado.




Baseado em uma HQ da DC Comics, John Constantine parece que chegou nas telinhas para ficar de vez. A série trouxe a carga misteriosa e sombria da trilogia de Nolan (Batman), porém naturalmente já tem essa como sua característica. Faltava algo assim na TV.

No episódio, viu-se pouco o uso de seus dons com a magia, com exceção da última cena, que fez fogo surgir entre seus dedos para se defender de misteriosos homens que surgiram do escuro em um beco na saída de um bar. A certeza que fica é que: Haverá mais exorcismo do que poderes ou dons desperdiçados.

John Constantine tem estreia confirmada para 24 de outubro desse ano e traz Daniel Cerone e David Goyer (Batman Begins e O cavalheiro das trevas) na produção executiva.

Fique conosco, torne-se um Viciado em Série.

Postagens mais visitadas deste blog

Entendendo Game Of Thrones

Game of Thrones é uma série que acaba se tornando bem difícil de explicar, e isso ocorre justamente por causa da complexidade dos personagens, que são muitos, e pela quantidade de subtramas existentes. Então, meu objetivo com esse texto é fazer com que uma pessoa que nunca viu ou que não tenha entendido muito a premissa da série, entenda de forma clara qual a principal narrativa. Nesse texto não vou entrar em detalhes sobre os personagens e subtramas (senão você ficaria horas aqui lendo), apenas vou tentar mostrar a direção e o que a série propõe.
Como todos sabem, a série Game Of Thrones (produzida pela HBO) é a adaptação dos livros de fantasia épica escritos por George R.R. Martin, que são chamados de As crônicas de gelo e fogo. Já se passaram a 1° e 2° temporada, adaptando o primeiro (A guerra dos tronos) e o segundo (A fúria dos reis) livro, respectivamente. E nesse domingo é a estreia da terceira temporada, que irá adaptar a primeira parte do terceiro livro (A tormenta das espadas…

O Fim da Saga Red John em "The Mentalist"

Por Jaqueline Pigatto
Chegou ao fim uma das maiores sagas dos seriados da atualidade. Patrick Jane finalmente colocou as mãos em Red John, o serial killer que matou sua esposa e filha. A série, que teve início há 6 anos, sempre focou na busca do protagonista por vingança, com Red John sempre alguns passos à frente, criando mais perguntas para as poucas respostas que conseguíamos, praticamente entrando na mente de Jane e roubando uma memória feliz, até conseguindo sua lista de suspeitos, revelada ao final da quinta temporada.
A partir dali sabíamos que o momento tão esperado chegaria. A produção confirmou: vamos descobrir nessa temporada quem é Red John. Os 7 suspeitos da lista eram personagens que frequentemente passavam pela série, em sua maioria policiais ou ligados ao governo. Pessoas de poder e influência. Mas poucos fãs acreditavam que realmente seria um daqueles. Sempre teve a teoria de que o Red John seria o próprio Patrick Jane. O bizarro Brett Partridge era uma das principais…

O Fim de Sons of Anarchy

"Papa's Goods" 7x13 [Series Finale] (Com spoilers)
Quando a morte é a última e única saída.
E Jax encontrou na morte a solução para tudo, mas Sons of Anarchy continuará viva, até em breve criarem um remake, ou até mesmo, continuar com a série, pois margem de sobra deixaram pra isso.
O fim de Sons of Anarchy tratou de mostrar o fim de Jax Teller, aquele se tornou protagonista da série, mas nem sempre foi assim. As primeiras temporadas eram comandadas por Clay, que revesava o papel principal com Jax, mas nem de longe as ações que ambos exerciam eram o mais importante da série.
Sons se destacou pelo conjunto de personagens e por ações em conjunto, alinhado às situações nada pacíficas da família Teller. Portanto, com o fim de Jax Teller, a série termina, mas, diferente da maioria das séries, o enredo sobreviveria "tranquilamente" sem Jax.
Ademais, a saída para "resolver" tudo foi a morte. Jax "morreu", mas foi para o "outro mundo" de a…

Agenda de Séries

Agenda de séries:

Fique por dentro das séries que vão ao ar no dia nos Estados Unidos com essa super agenda.  Dúvidas, críticas elogios... Caso haja algum erro na agenda, mencione-o nos comentários.

TOP 5 Séries Melhores que Game of Thrones

— Vikings: "Gosto de Game of Thrones porque tem muita luta medieval, sangue..."

As lutas medievais de Vikings são muito mais intensas, extremamente constantes na série. A série também vem de uma adaptação, só que dá história da humanidade, quando exploradores, guerreiros, comerciantes e piratas nórdicos invadiram, exploraram e colonizaram grandes áreas da Europa e das ilhas do Atlântico Norte a partir do final do século VIII. A série também é muito mais viciante, sem a morosidade de diálogos vistos na série da HBO.

— Banshee:  "Gosto de Game of Thrones porque tem muitas cenas de sexo e nudez"

As cenas de sexo de Banshee são extremamente mais explícitas. Nudez é cotidiano na série, inclusive nudez frontal. E a nudez de Banshee não são como em Game of Thrones, que praticamente mostra a nudez de prostitutas, personagens secundários. Em Banshee os atores principais estão nessas cenas. Banshee também ganha no quesito violência, sangue, ação, além de ter roteiro original.

— …