Glee: "New Directions" 5x13 [Review]



Este último episódio de Glee foi de certa forma emocionante para os verdadeiros fãs da série, pois foi o fim do arco que sustentava a trama há cinco temporadas, mas como nada é eterno e muitas vezes mudanças vêm para o bem vamos aceitar e seguir em frente.

April e Holly continuam na resistência e pretendem arranjar algum modo de burlar alguma regra para que o Glee Club permaneça no McKinley High. Holly se tornou amiga de Sue Sylvester após vencer algumas competições com a diretora do colégio e consegue uma oportunidade de locar o coral para qualquer outro grupo estudantil que tiver interesse em acrescentar música em sua grade curricular. O primeiro alvo é o grupo de Pecuária, Holly e alguns membros (atuais e antigos) do Glee resolveram soltar a voz e tentar mostrar o quanto pode ser divertido envolver música em suas atividades, o resultado de tal ação foi conforme o esperado e Sue recebeu várias cartas de reclamações por isso. Will pede para que Holly e April parem de tentar ajuda-lo e que o Glee Club chegou ao seu fim.

O drama particular de Tina por não ser aceita em nenhuma faculdade continua e em certo momento Sam acerta em cheio um troféu em seu rosto, fazendo com que a asiática caia desmaiada no chão. Logo temos novamente um sonho, onde ela imagina todos os amigos (Rachel, Santana, Sam, Kurt e Blaine) morando juntos no formato da antiga e clássica série Friends, e trabalhando na mesma lanchonete em Nova York, sendo que misteriosamente Mike, Puck, Brittany e Mercedes também estão lá. Enfim, é somente mais um delírio de Tina que logo acorda para a realidade sentindo-se a única perdedora, mas convencida pelos seus amigos a morar em Nova York com eles, mesmo sem nenhum projeto em andamento.

Mercedes e Kurt resolvem cantar para que Rachel e Santana pudessem entender que sua briga é inútil e ridícula, para que assim pudessem fazer pazes. A cantoria fez efeito em Rachel que em seguida resolveu se desculpar com Santana, dizendo que foi injusta e estava disposta a oferecer algumas apresentações. A latina hot por sua vez não perdoou e só estava interessada em tomar o papel de Rachel 100%. Após uma breve conversa com Brittany que aparentemente esta realmente mais inteligente, Santana percebeu que essa sua atitude nada mais era que orgulho ferido, sendo assim se desculpou com Rachel voltando a ser amigas.


Holly tem uma ideia diferente para homenagear Will, pedindo para Artie pegar sua câmera e filmar cada membro do coral passando sua mensagem de agradecimento ao mentor do clube. Will assiste os depoimentos emocionado e ao final o hino do Glee começa a tocar de fundo, Rachel surge começando a cantar Don’t Stop Believin, seguida por Kurt e os membros originais, logo depois os membros novos aparecem dando espaço para mais uma bela apresentação dessa canção que faz parte de Glee desde a primeira temporada. April e Holly assistem de longe e se despedem sentindo-se realizadas por ajudarem todos a superarem a perda.

Os novatos (Marley, Kitty, Unique, Jake e Ryder) finalizam a limpeza da sala do coral, chateados pelo fim do clube eles lamentam de inicio, até perceberem que o pouco tempo que ficaram naquele lugar renderam grandes experiências, os tornando pessoas melhores. Tina interrompe os alunos para se apreçarem já que a formatura estava começando.

No auditório Sue começa a chamar os alunos para receber os diplomas, a sequência de cada um Artie, Blaine, Tina, Sam e Becky. No palco Tina conta para seus amigos que não irá para Nova York, que foi aceita na faculdade Brown e irá se mudar para lá. O que ninguém esperava era que Sue fosse anunciar que Brittany também receberia o diploma como uma formando. Assim a formatura da turma de 2013 está completa.

Santana convida Brittany para morar com ela em Nova York, e nossa loirinha aceita, mas antes o casal vão tirar umas longas férias no Havaí. Para finalizar Sue e Will se encontra pela última vez. A diretora do McKinley desabafa que nunca ninguém durou tanto tempo para resistir aos seus golpes, mas que acima de tudo admira Will e que por isso arranjou uma entrevista com o Vocal Adrenaline, principal concorrente do New Directions nas primeiras temporadas e que neste grupo sim, com todo o orçamento disponível ele iria conseguir desempenhar um bom trabalho.

Músicas do Episódio:
I Am Changing – Kurt e Mercedes
Party All the Time – Holly
Loser Like Me – Blaine, Sam, Artie e Tina
Be Okay – Santana e Rachel
Just Give Me a Reason – Quinn e Puck
Don't Stop Believin – Rachel, Kurt, Tina, Blaine, Artie e Will
Tecnologia do Blogger.