Being Human US: “Ramona The Pest” 4x11 [Review]

Essa é a reta final de Being Human US e quando esperávamos conclusões de alguns casos, a série nos apresenta uma nova personagem que diz sempre ter estado ali.

O episódio começa com Sally acordando na cama de um quarto que ela nunca havia visto na casa. Um quarto com papel de parede rosa, assim como os lençóis da cama, que remetem a um quarto de menina. Ao atravessar as paredes, percebe que o tal quarto estava escondido por uma parede, dentro do closet do de Nora e Josh. Nesse meio tempo, Aidan estava tendo um sonho erótico com Sally, um resquício de que pode existir um final feliz para os dois, de alguma forma.


Aidan destrói a parede e os habitantes da casa descobrem o quarto. Aparentemente intacto, o que soou estranho visto que estamos na quarta temporada e o local não parece ter sofrido a ação do tempo, tanto que tem até uma janela nele. Josh e Aidan percebem uma mancha de sangue embaixo da cama e com uma espécie de marcação, como se alguém tivesse feito uma contagem de dias.
No meio da conversa um novo espírito se revela, ela diz ser Ramon, irmã gêmea de Beatrice, a garota que Sally achava que tinha sofrido nas mãos das bruxas, quando na verdade era Ramon. A garota fala que sempre viveu ali e que escutava as conversas dos quatro.

Nesse meio tempo, o pai de Sally chega a casa e anuncia que vendeu a propriedade e que eles precisam entregar a casa até o final da semana.

Sally pede ajuda a Aidan para eles convencerem Beatrice a encontrar Ramon, pois quem sabe assim, a fantasma poderia encontrar a sua porta. Num cena muito cômica, Aidan e Sally decidem manter a amizade deles  esquecer o romance que tiveram na realidade alternativa, enquanto as pessoas ao redor deles achavam que Aidan estava conversando sozinho. No primeiro contato com Beatrice, eles falham e ela não acredita nos argumentos do vampiro.

Sabemos que a relação entre vampiros e lobisomens nunca foi das melhores, tanto que Aidan e Josh quase saíram no tapa nesse episódio, mas o caso complica para Kenny, que quer ir embora com a loba Astrid, que por sua vez tenta acabar o romance entre eles.

A partir daí o episódio engraçadinho torna-se totalmente manchado por sangue. Encurralada pela matilha, Astrid entra amada na casa dos nossos protagonistas e rende Nora. Junto a ela, toda a matilha invade a casa, pois estão à procura de Josh. Ramona, por sua vez, prende Josh no quarto, falando sobre o mal que o espera, caso ele saia do quarto. Isso fez Josh se enfurecer ainda mais, tanto que ele deixa o lobo dominá-lo e acaba matando toda a matilha.

Esse foi o estopim para resolverem o caso do lobo de Josh e Sally sente-se culpada por isso, por não ter teminado o feitiço. Ela parte com ele e o ajuda a controlar o seu lobo interior.


Enquanto isso, Aidan limpa toda a casa com a ajuda dos vampiros de Kenny, mas esconde dele o cadáver de Astrid e mente dizendo que ela foi morta pela matilha, ao invés de Josh.


Mas como dizem, mentiras tem perna curta. O espírito de Astrid procura Kenny e sem querer acaba contando que foi morta por Josh. Sinto que Kenny vai fazer uma grande merda no próprio episódio. E quanto a Ramona? Ela deve ser o problema a ser resolvido nos episódios finais dessa temporada.

Tecnologia do Blogger.