Pular para o conteúdo principal

Especial: TOP 10 Melhores Episódios de 2013



Quantos episódios foram exibidos em 2013? Milhares. Escolher apenas dez não é nada fácil. A cada dez listas destacando os dez melhores episódios do ano, haverá divergência em todas elas, pois cada um marca algum episódio de certa maneira, baseado em algum aspecto. Mas garantimos que a lista do Viciado em Série tem dez episódios de extrema qualidade. 

Dito isso e com critérios antidemocráticos, apresento-lhes a lista com os 10 melhores episódios de 2013, segundo o Viciado em Série. Clique em 'Leia mais' para ler a crítica completa do episódio, mas cuidado com spoilers, caso não esteja em dia com as séries em questão.

10 - The Walking Dead: "Too Far Gone" 4x08


O dia em que The Walking Dead justificou a sua existência. The Walking Dead trouxe um episódio fantástico. Podia ser sempre assim? Impossível. Episódios como esse são típicos episódios de fim de temporada, aquele que traz impacto, empolgação e ansiedade para o retorno da série. Normalmente são episódios que marcam, porém muitas vezes conseguem decepcionar os telespectadores, como ocorreu com a própria série em seu último season finale. Só que agora The Walking Dead fecha a meia temporada compensando, não que tenha apagado a morosidade e a falta de ousadia em episódios anteriores, mas sim, veio provar que a série, mesmo com altos e baixos, merece muito ser acompanhada. Leia mais

9 - The Killing: "Six Minutes" 3x10


Excelentemente perturbador. O momento que todos esperavam, mas ninguém esperava. Um episódio extremamente tenso, onde o tempo era o maior e pior inimigo. Chegou o dia da execução, mas a dúvida ainda pairava pelo ar: será mesmo que Seward é inocente? Ele irá se salvar? Todos imaginavam que sim, pois seria perverso demais acompanharmos o enforcamento de Seward. Seria não. Foi. Leia mais

8 - Spartacus: "Victory" 3x10


"Não há maior vitória do que sair desse mundo como um homem livre". É a História. Reclamem com ela. É o final que todos sabiam, mas ninguém tinha certeza. Todos esperavam a morte de Spartacus, mas ninguém a queria. Em um episódio simplesmente épico, acompanhamos o fim glorioso de uma nação de escravos, humilhados, abusados, liderados por um mito que transcendeu os séculos e que sobreviverá pra sempre em nossos corações, simbolizando uma nação de guerreiros que sabiam de seus limites, mas precisavam tentar alcançá-los. Leia mais

7 - The Good Wife: 'Hitting the Fan' 5x05


"Hitting the Fan" foi tudo o que 'The Good Wife' precisava fazer. Parece até que depois da 2ª temporada a série parou no tempo e só agora retomou de verdade, com o que houve no intervalo sendo mera alucinação. Alicia finalmente tomou uma atitude que a comprometeu e a fez sair do lugar comum, e a partir daí poderemos ver cada personagem escolhendo lados e mostrando, de verdade, até onde são capazes de ir. É. Pode-se dizer que finalmente 'The Good Wife' começou. Pena que demorou tanto para isso." Leia mais

6 - Breaking Bad: "Confessions" 5x11


"Porque não se mata, Walt?" Porque essa opção nunca passou por sua cabeça, pelo menos por enquanto. A história se repete: ao passar por apuros, primeiramente Walter tenta se defender, eliminar provas que possam incriminá-lo, mas depois contra-ataca. Genialmente, contra-ataca. Não é de hoje que sua inteligência não está restrita "apenas" à química. Não. A mesma genialidade que Walter maneja os elementos, ele tem para se safar de situações completamente adversas. Leia mais

5 -Doctor Who: "The Name of the Doctor" 7x13


Dizer que uma season finale foi épica, espetacular, e todos os adjetivos possíveis para algo grande é meio clichê, pois é isso que se espera de uma season finale, que é o resultado final de toda a temporada que temos acompanhado. Claro que nem sempre elas são tão excelentes e épicas quanto o esperado, mas no geral conseguem cumprir suas expectativas. Mas isso se aplica à season finales normais, o que não é o caso de "The Name of the Doctor" que não é apenas uma season finale, mas também o prelúdio para um dos maiores eventos da TV mundial: o especial de 50 anos de Doctor Who, que será exibido nos cinemas no dia 23 de novembro, e em 3D. Leia mais

4 - Fringe: "An Enemy of Fate" 5x13


Por Etta. Por nós. Acabou. Fringe chegou ao fim e como esperado, trouxe episódios espetaculares, tensos, eletrizantes e... absurdamente emocionantes. Um final feliz. Um final que os fãs de Fringe sempre sonharam. Sem tirar e nem por, os produtores nos deram um presente, não apenas nesses dois últimos episódios, mas sim, nos treze episódios da quinta temporada. Como é bom chegarmos no fim e vermos que tudo fez sentido, tudo valeu a pena. Cada detalhe foi tratado com coerência e concordância, montando, desenvolvendo e resolvendo os mistérios que 'destruíram' nossas cabeças durante anos e que agora trazem conforto para nossa mente e principalmente, para nossos corações. Leia mais

3 - Breaking Bad: "Felina" 5x16


"Remember my name". Era uma vez um professor de química de meia idade, desvalorizado, típico pai de família que dá o seu sangue, dia após dia, para cuidar de seu lar, trabalhando em dois empregos e sendo desvalorizado em ambos. Pra piorar, descobre que é portador de um câncer maligno e que tem poucos meses de vida. O que fazer? Morrer, simplesmente, e deixar sua família desamparada, sua esposa grávida, seu filho que passa por necessidades físicas, com dívidas... ou usar de sua genialidade desvalorizada para conseguir, pelo menos, deixar a sua família amparada financeiramente? Leia mais

2 - Game Of Thrones "The Rains of Castamere" 3x09


Um casamento que entra para a história de Westeros. Esperava ver esse triste acontecimento desde que o li. A expectativa era tão grande que tinha quase certeza de que iria me decepcionar com a cena. Mas não foi bem assim, pois a série conseguiu transmitir o desespero daquele acontecimento. Por mais que estejamos acostumados com mortes de personagens, o que aconteceu nesse domingo foi semelhante a morte de Eddard  na primeira temporada. Leia mais

1 - Breaking Bad "Ozymandias" 5x14


"Meu nome é Walter White, monstro dos monstros". Na visão de Skyler, Marie, Flynn, Carol..., possivelmente de toda a Albuquerque. Mas dessa vez, pudemos entendê-lo e até absolvê-lo em algumas situações vistas em "Ozymandias", episódio tido como o melhor da série dentre os seis anos de vida, quiçá o melhor episódio dramatúrgico exibido na TV. Não poderia concordar mais. Leia mais 

—//—

Postagens mais visitadas deste blog

Entendendo Game Of Thrones

Game of Thrones é uma série que acaba se tornando bem difícil de explicar, e isso ocorre justamente por causa da complexidade dos personagens, que são muitos, e pela quantidade de subtramas existentes. Então, meu objetivo com esse texto é fazer com que uma pessoa que nunca viu ou que não tenha entendido muito a premissa da série, entenda de forma clara qual a principal narrativa. Nesse texto não vou entrar em detalhes sobre os personagens e subtramas (senão você ficaria horas aqui lendo), apenas vou tentar mostrar a direção e o que a série propõe.
Como todos sabem, a série Game Of Thrones (produzida pela HBO) é a adaptação dos livros de fantasia épica escritos por George R.R. Martin, que são chamados de As crônicas de gelo e fogo. Já se passaram a 1° e 2° temporada, adaptando o primeiro (A guerra dos tronos) e o segundo (A fúria dos reis) livro, respectivamente. E nesse domingo é a estreia da terceira temporada, que irá adaptar a primeira parte do terceiro livro (A tormenta das espadas…

O que chega em Agosto na Netflix

Trailer:

Títulos destacados do mês de agosto

Séries:

Atypical: Temporada 1: No auge dos seus 18 anos e com autismo, Sam embarca em uma jornada divertida e dolorosa de autodescoberta em busca de amor e independencia. Série original Netflix, estreia dia 11 de agosto.
Marvel - Os Defensores: Temporada 1: Assim como os Vingadores, estes quatro super-heróis da Marvel se unem para defender o planeta Terra e lutar contra o crime. Série original Netflix, estreia dia 18 de agosto.

Disjointed: Parte 1: Ruth (Kathy Bates) realizou seu sonho abrindo uma loja de cannabis medicinal, tudo de acordo com a lei. Agora, ela pode fumar um baseado quando bem entender - basicamente sempre. Série original Netflix, estreia dia 25 de agosto.

Wet Hot American Summer: Ten Years Later: Bem-vindos à reunião de 10 anos do acampamento Firewood! Estrelada pelo elenco original do filme cult e novos atores e atrizes, a série de 8 episódios mostra como está a turma do acampamento, dez anos depois. Série original Netflix, es…

TOP 5 Séries Melhores que Game of Thrones

— Vikings: "Gosto de Game of Thrones porque tem muita luta medieval, sangue..."

As lutas medievais de Vikings são muito mais intensas, extremamente constantes na série. A série também vem de uma adaptação, só que dá história da humanidade, quando exploradores, guerreiros, comerciantes e piratas nórdicos invadiram, exploraram e colonizaram grandes áreas da Europa e das ilhas do Atlântico Norte a partir do final do século VIII. A série também é muito mais viciante, sem a morosidade de diálogos vistos na série da HBO.

— Banshee:  "Gosto de Game of Thrones porque tem muitas cenas de sexo e nudez"

As cenas de sexo de Banshee são extremamente mais explícitas. Nudez é cotidiano na série, inclusive nudez frontal. E a nudez de Banshee não são como em Game of Thrones, que praticamente mostra a nudez de prostitutas, personagens secundários. Em Banshee os atores principais estão nessas cenas. Banshee também ganha no quesito violência, sangue, ação, além de ter roteiro original.

— …

O Fim de Sons of Anarchy

"Papa's Goods" 7x13 [Series Finale] (Com spoilers)
Quando a morte é a última e única saída.
E Jax encontrou na morte a solução para tudo, mas Sons of Anarchy continuará viva, até em breve criarem um remake, ou até mesmo, continuar com a série, pois margem de sobra deixaram pra isso.
O fim de Sons of Anarchy tratou de mostrar o fim de Jax Teller, aquele se tornou protagonista da série, mas nem sempre foi assim. As primeiras temporadas eram comandadas por Clay, que revesava o papel principal com Jax, mas nem de longe as ações que ambos exerciam eram o mais importante da série.
Sons se destacou pelo conjunto de personagens e por ações em conjunto, alinhado às situações nada pacíficas da família Teller. Portanto, com o fim de Jax Teller, a série termina, mas, diferente da maioria das séries, o enredo sobreviveria "tranquilamente" sem Jax.
Ademais, a saída para "resolver" tudo foi a morte. Jax "morreu", mas foi para o "outro mundo" de a…

Agenda de Séries

Agenda de séries:

Fique por dentro das séries que vão ao ar no dia nos Estados Unidos com essa super agenda.  Dúvidas, críticas elogios... Caso haja algum erro na agenda, mencione-o nos comentários.