American Horror Story - Coven: "Burn, Witch. Burn!" 3x05

"Mais um episódio fantástico de American Horror Story. Disse antes e volto a repetir, cada episódio que passa gosto mais da Fiona. É o tipo de vilã que não nos deixa outra alternativa a não ser gostar da mulher. Os zumbis de Mãe Laveau foram vencidos por Violet, não peraí, por Zoe, que pode ser que eu me engane, mas não custa especular, possa calhar de ser a próxima Suprema. Fiona mostrando seu amor pela filha e que nem sempre tem um coração ruim. Devolveu a vida de um recém-nascido e não saiu do lado de Delia. Nesse episódio também tivemos Myrtle Snow sendo queimada, o que foi uma tragédia levando em conta que adoro a atriz que interpreta a mesma, mas a Mãe da Floresta, ou se vocês preferirem, Misty Day, devolveu sua vida. Impressão minha ou foi a Zoe quem a chamou novamente? Agora elas vão se unir para vencer a Fiona (vai saber). Bom, Delia já demonstrou que a partir de agora enxergará melhor do que nós que possuímos visão. Bruxa não fica cega, passa a enxergar além daquilo que nos é permitido ver. E pobre, Queenie, sendo um peão no jogo de Fiona Goode. Quero só ver quanto tempo mais essas bruxas vão esperar para contra atacar Mãe Laveau. Vamos começar logo essa guerra!"
Por Fábio Lins
"Empolgante. Viciante. Aterrorizante. Esse episódio de 'Coven' trouxe algum suspense, mas chamou mais a atenção por colocar os zumbis de Walking Dead no chinelo [rs]. A suprema continua 'supremíssima' e a canção da Pitty - 'Queimem as bruxas' ('Quem Vai Queimar') - não saiu da minha cabeça. Aliás, a trilha base da temporada também está sensacional. Não sei pra quem torcer e nem quero torcer pra ninguém. Só sei que quero mais e mais American Horror Story, e essa sensação é a mais importante em se tratando de séries. Empolgação. Ansiedade para o próximo episódio. Pouquíssima série atual consegue fazer isso comigo."
Por Marco Freitas
"'Burn, Witch. Burn!' deixa algumas incógnitas em relação a trama de 'Coven', afinal, teremos uma guerra entre os clãs de Fiona e  Marie Laveau (reduzida a uma coadjuvante menor aqui), ou o foco é mesmo os conflitos internos de um 'Coven' ideologicamente dividido? A falta de uma linha narrativa bem definida é mesmo o único problema desta temporada que não deixa de surpreender quando o assunto é cenas grotescas, talvez os roteiristas de The Walking Dead tenham ficado com um pouco de inveja..."
Tecnologia do Blogger.