Primeiras Impressões de Ray Donovan


Faltou um "algo a mais" em Ray Donovan, um diferencial que empolgaria-me assistir a série. Parece ser uma série promissora, mas independente disso, seu piloto ficou devendo. Mais alguns episódios serão necessários para definir se aprovo ou reprovo. mas por enquanto, fica classificada como "vale tentar".

“Ele resolve qualquer problema, exceto os seus”.

A frase que ilustra os cartazes promocionais da série resume bem a vida de Ray Donovan, personagem protagonista da série, responsável por resolver os problemas de magnatas, popstars, estrelas do esporte, enfim, mas claro, devidamente gratificado.


O maior problema de Ray refere-se à sua família e olha, que família  difícil ele tem. As coisas pioram quando seu pai sai da cadeia - local que Ray foi responsável por colocá-lo - tentando se re-aproximar, com segundas e não reveladas intenções. Detalhe que a mulher de Ray parece estar tramando algo com o crápula, passando por cima das determinações de seu marido. 

Bem, essa é a premissa da série, que não foi tão evoluída nos mais de 50 minutos da première, quando vimos Ray resolvendo problemas de magnatas e complicando os seus, principalmente quando se depara com um antigo relacionamento envolvido em um de seus casos. Ray demostra ser fraco a tentações, mas quem não seria diante daquela beldade? Mas enfim, tentações é o seu fraco.

Faltou ação. Pelos trailers esperava mais, porém a promessa ainda não foi descartada. O episódio serviu bem para conhecermos os personagens principais e notar a bela produção que iremos acompanhar. Nesse quesito, mas uma vez o Showtime acertou, com ótimos cenários, fotografia, jogo de câmeras... além de diálogos sem censura, trazendo mais realidade às cenas e claro, sem pudor pela nudez.

O elenco... dispensa comentários.


Contudo, podemos dizer que Ray Donovan não surpreendeu em sua estreia (antecipada pela emissora em seu canal no You Tube) e mostrou menos do que esperávamos, mas não decepcionou de forma alguma. Alguma coisa me diz que a série será boa, não como Dexter e Homeland (cerejas da Showtime), mas terá espaço na grade de todo viciado em série de bom gosto. Muita das melhores séries da atualidade não tiveram pilotos excepcionais e espero que Ray Donovan siga pelo mesmo caminho.
    
Tecnologia do Blogger.