Pular para o conteúdo principal

Maratona Spartacus


Live Tweet: opinião em tempo real.

Spartacus: "Blood and Sand" (1ª Temporada)
  • Muito sangue, muita luta, sexo, clichês, chroma key e efeitos exagerados. Uma série bem exagerada. Gosto de séries exageradas
  • Não tão intenso mas coeso em apresentar os personagens e dar ritmo e objetivo à série. Menos efeitos exagerados. Prefiro.
  • OMG! #Spartacus
  • Spartacus faz de Game of Thrones ser série de "mulherzinha".
  • Primeira temporada de Spartacus terminada. Putz, que season finale do ca$#$%. Iniciando a segunda já!
  • Precisava de uma série que me fizesse virar a noite assistindo. Muito tempo que não fazia isso. Vai ser hoje! #Spartacus
Nota: 8.5

Spartacus: "Gods of the Arena" (Minissérie)
  • 1x01: Era disso que eu precisava: um pouco mais de Batiatus, Lucretia, Solonius e mais dos novos e velhos deuses da arena. #GodsoftheArena
  • 1x02: A Lila de Dexter em Spartacus. BOOOM!
  • Séries que fazem-nos apreciar os vilões, ao mesmo tempo que os odiamos.
  • 1x03: Acho que seria melhor assistir "Gods of the Arena" antes da 1ª temporada de Spartacus. As batalhas teriam muito mais emoção e sem spoilers.
  • Quem gosta de UFC, games e muito sangue artificial deveria assistir Spartacus. Quem "gosta" de chroma Key também.
  • 1x04: Primeiro OMG da minissérie. Son of a bitch! 
  • 1x05: As mortes mais impactantes não decorrem da espada e sim, da ganância pelo poder daqueles que são capazes de tudo para o feito. Nice!
  • 1x06: Finalizei "Spartacus: Gods of the Arena". Seis ótimos episódios que enriqueceram a trama da 1ª temporada, com detalhes, trama e mitologia.
  • Muito bom mesmo! Só gostaria que tivessem lançado a minissérie antes da S01. Assim a S01 seria bem mais saborosa. Mas entendo o processo.
  • A minissérie não existiria se a primeira temporada de Spartacus não fosse um sucesso. Bora para a inadiável 2ª temporada. (Sei que a situação de Andy Whitfield colaborou)
Nota: 9.5

Spartacus: "Vengeance" (2ª Temporada)
  • S02 de Spartacus iniciada: estranho a ausência de Andy Whitfield, mas entendo, claro. O Liam McIntyre fez bem o papel e devo me acostumar.
  • Première muito boa. Já colocou as peças do lugar e traçou o objetivo. Os efeitos visuais melhoraram e muito. #Spartacus
  • Detalhe para a frase de Spartacus: "Nós ergueremos unidos ou cairemos divididos".
  • Parecido com a frase de Jack (LOST): “Se nós não podemos viver juntos, vamos morrer sozinhos”. Chupisco?
  • 2x02: Os bons e os velhos personagens se reuniram definitivamente. Agora que a coisa vai esquenta de vez.
  • 2x03: Que episódio. Que baita episódio. Que baita série. Acredito que esse seja o melhor da série, até então. De tirar o fôlego, literalmente.
  • Já deu pra absorver a ausência de Andy Whitfield. Infelizmente é a vida. Vamos ver se consigo absorver a saída de Lesley-Ann da mesma forma
  • 2x04: Putz, que episódio agonizante. Parecia o filme Apocalypto. Achei que a perseguição nunca acabaria. Um ótimo episódio, mais uma vez.
  • 2x05: Porra, 2 minutos de episódio e tive que parar pra respirar #Spartacus
  • Realmente... épico. Sem mais.
  • Inconformado que a vadia da Lesley-Ann não renovou contrato para a S02 de Spartacus. Vadia, vadia, vadia!
  • 2x06: Impossível a superação do episódio anterior, mas não deixou de ser um ótimo episódio. O grande e esperado duelo aconteceu: deu empate
  • Maratona com episódios com uma hora de duração é punk
  • 2x07: Episódio um pouco lento, mas teve os últimos 15 minutos espetaculares. Eles sabem dar ao telespectador/fã o que querem, na hora certa.
  • 2x08: Passei a metade final do episódio chamando Spartacus de burro. Burro sou eu. Episódio sensacional.
  • 2x09: Falar o quê desse episódio? Bora para o season finale já!
  • Mas antes, notável como episódios de Spartacus são como um filme, recheado de momentos OMG! Uma hora que rola de tudo. De tudo.
  • Eu disse de tudo?
  • 2x10: Adoro batalhas, mas fico agonizado com elas #Spartacus
  • Roma tremeu. Meu coração também. Episódio mais do que eletrizante. Mais do que sensacional. Como é bom vermos um desfecho tão significativo e honrado como esse. Palmas lentas de pé para todos os envolvidos.
Nota: 9

Considerações finais: É uma série fantástica. Mas não é pra qualquer um. Não sou capaz de recomendá-la a todos. Spartacus é uma série atípica, bem diferente das que acompanhamos hoje em dia. É uma série sem pudor, sem escrúpulos, sem regras. Muita, muita violência. Muitas, muitas cenas de sexo. Mas a série não se limita a apenas isso. Esses momentos são os mais esperados pelo telespectador, mas a trama e o enredo que envolvem a série dão sustentação a isso. Completamente viciante. O elenco é fantástico. A produção melhora muito com o tempo, principalmente na temporada final. A maratona é tensa: são episódios com uma hora de duração, mas passa bem rápido, porém, apesar das temporadas com poucos episódios, você tem que reservar um tempo considerável para assisti-la. Sem contar que você não pode assisti-la no meio de sua sala. A maioria das cenas são impróprias. Poderá assustar quem te pegar a assistindo. É uma série foda. Ponto final. 

Nota geral: 9

Leia também:

Postagens mais visitadas deste blog

Mais de 40 produções deixam o catálogo da Netflix a partir de hoje

Mais de 40 produções deixam o catálogo da Netflix a partir de hoje. Veja a seguir tudo que sai da Netflix nesta semana.
27/06

The Unlikely Girl


29/06

Um Crime de Mestre

Rede de Mentiras

The Way Steve Jobs Has Changed The World (Steve Jobs: Como Ele Mudou o Mundo)


30/06

Europa Report

Cuidado Con El Angel

O que é Manzai?!!!

Canção Para Marion

Girl Most Likely

Gentlemen Broncos


01/07

Soldado Universal - Juízo Final

Acorrentados

Água Benta

Aquamarine

Além da Linha Vermelha

Crô: O Filme

Operação Sombra - Jack Ryan

Atividade Paranormal: Marcados Pelo Mal

Como Enlouquecer Seu Chefe

Laranjas e Sol

Ata-me!

Hackers - Piratas de Computador

Lie To Me (3 temporadas)

Ben Hur (2010)

Headhunters

O Corvo

O Grande Mestre 2

Labirinto (2012, 1 temporada)

A Delicadeza do Amor

10.000 Km

Prison Break (4 temporadas)

Chaplin & Co.

Buffy the Vampire Slayer (7 temporadas)

Terra Nova (1 temporada)

Três Mulheres, Três Amores

Jean Charles

Filthy Gorgeous: The Bob Guccione Story

Pantani: The Accidental Death of a Cy…

Entendendo Game Of Thrones

Game of Thrones é uma série que acaba se tornando bem difícil de explicar, e isso ocorre justamente por causa da complexidade dos personagens, que são muitos, e pela quantidade de subtramas existentes. Então, meu objetivo com esse texto é fazer com que uma pessoa que nunca viu ou que não tenha entendido muito a premissa da série, entenda de forma clara qual a principal narrativa. Nesse texto não vou entrar em detalhes sobre os personagens e subtramas (senão você ficaria horas aqui lendo), apenas vou tentar mostrar a direção e o que a série propõe.
Como todos sabem, a série Game Of Thrones (produzida pela HBO) é a adaptação dos livros de fantasia épica escritos por George R.R. Martin, que são chamados de As crônicas de gelo e fogo. Já se passaram a 1° e 2° temporada, adaptando o primeiro (A guerra dos tronos) e o segundo (A fúria dos reis) livro, respectivamente. E nesse domingo é a estreia da terceira temporada, que irá adaptar a primeira parte do terceiro livro (A tormenta das espadas…

O Fim de Sons of Anarchy

"Papa's Goods" 7x13 [Series Finale] (Com spoilers)
Quando a morte é a última e única saída.
E Jax encontrou na morte a solução para tudo, mas Sons of Anarchy continuará viva, até em breve criarem um remake, ou até mesmo, continuar com a série, pois margem de sobra deixaram pra isso.
O fim de Sons of Anarchy tratou de mostrar o fim de Jax Teller, aquele se tornou protagonista da série, mas nem sempre foi assim. As primeiras temporadas eram comandadas por Clay, que revesava o papel principal com Jax, mas nem de longe as ações que ambos exerciam eram o mais importante da série.
Sons se destacou pelo conjunto de personagens e por ações em conjunto, alinhado às situações nada pacíficas da família Teller. Portanto, com o fim de Jax Teller, a série termina, mas, diferente da maioria das séries, o enredo sobreviveria "tranquilamente" sem Jax.
Ademais, a saída para "resolver" tudo foi a morte. Jax "morreu", mas foi para o "outro mundo" de a…

Agenda de Séries

Agenda de séries:

Fique por dentro das séries que vão ao ar no dia nos Estados Unidos com essa super agenda.  Dúvidas, críticas elogios... Caso haja algum erro na agenda, mencione-o nos comentários.

O Fim da Saga Red John em "The Mentalist"

Por Jaqueline Pigatto
Chegou ao fim uma das maiores sagas dos seriados da atualidade. Patrick Jane finalmente colocou as mãos em Red John, o serial killer que matou sua esposa e filha. A série, que teve início há 6 anos, sempre focou na busca do protagonista por vingança, com Red John sempre alguns passos à frente, criando mais perguntas para as poucas respostas que conseguíamos, praticamente entrando na mente de Jane e roubando uma memória feliz, até conseguindo sua lista de suspeitos, revelada ao final da quinta temporada.
A partir dali sabíamos que o momento tão esperado chegaria. A produção confirmou: vamos descobrir nessa temporada quem é Red John. Os 7 suspeitos da lista eram personagens que frequentemente passavam pela série, em sua maioria policiais ou ligados ao governo. Pessoas de poder e influência. Mas poucos fãs acreditavam que realmente seria um daqueles. Sempre teve a teoria de que o Red John seria o próprio Patrick Jane. O bizarro Brett Partridge era uma das principais…