Pular para o conteúdo principal

Person of Interest - 2x08 - Til Death


Eu gostei do episódio 2x08, mas não consegui me empolgar com ele, não que ele foi ruim, pelo contrário, trouxe muitas coisas para agregar, mas é que eu estava muito esperando pela Root, como disse o review anterior eu achei que ela fosse aparecer, e alimentei essa esperança, afinal, já faz um bom tempo desde o sequestro de Finch. 

Mas não foi isso, a trama paralela ao caso foi o flashback, como já disse um vez, minha trama favorita é quando faz essa volta no tempo e mostra Finch, com Nathan, Grace e como tudo começou com a Machine, e como eu não esperava por isso, não consegui me envolver. 

Dessa vez o CPF apresentado pela machine foram dois, o de Sabrina e Daniel Drake, um casal que tem bastante dinheiro. Então nossa dupla se dividiu pra saber o que ameaçava os dois, Reese vai para empresa enquanto Finch vai para o lar. E nisso descobrem que a empresa está recebendo uma oferta milionária de venda, ou seja, assassino descoberto. Ou não, afinal estamos falando de POI, John ao seguir a mulher descobre que colocaram uma bomba caseira o carro dela, e ao conferir o numero descobrem que tudo foi a mando do maridão. E assim, Finch e Reese seguem para salvar a pobre moça do marido assassinado, mas com isso descobrem que ela também mandou matar o marido, minha gente que casal em. 

Foi um caso interessante, até que ponto chega um relacionamento? O que mais me intrigou, foi quando Harold falou que devia deixar os dois se matarem e salvar um outro CPF, afinal, se eles não são maduros suficientes para resolver um casamento, com psicólogo, advogados e resolvem recorrer a matadores de alguém, que assim se faça a vontade. E quando John, pergunta se tem um outro CPF e Harold, infelizmente, diz não, eles resolvem continuar ajudar Sr e Sra Drake. Mas oi? Se tivesse outro CPF Harold e John teriam coragem de deixa-los, cadê aquele lado meigo de Finch. É a segunda vez, após Root, que Harold quer deixar o CPF ao destino, não estou gostando disso. 

Vale ressaltar que o tema principal foi o AMOR, again, eu não me canso disso e a série vem trazendo isso bem variado. Enquanto o caso da semana, mostrava o fim de um amor, o flashback trazia o começo de Harold e Grace em 2006, lembrando que podemos considerar a continuação do episódio anterior com flashback, lá mostrou como Grace e Harold se conheceram e aqui mostrou como foi a continuação desse relacionamento, com Harold com medo de contar sobre seu trabalho. Esqueci de citar, que no começo do episódio, mostra ele em 2012 de longe observando ela, e então a machine contacta-o através de um telefone, como fez com John, no primeiro episódio.



Mas não foi só o começo do amor de Harold que o episódio mostrou. Carter com sua nova franjinha que deixou ela mais jovem/magra/gata, precisou de uma ajuda do Detetive Cal Beecher da narcóticos, para ajudar achar o Santiago, o capanga que Daniel contratou para matar a esposa, e com isso, como retribuição Beecher há convida para jantar. #Loveisintheair. 



Fusco que começou o episódio muito estranho, atendendo ligações escondidas, ignorando chamada de John até tirando a bateria para Finch não encontrá-lo, nos preocupou, afinal, o que esse moço anda fazendo, eu suspeitei que ele estivesse de rolo de novo com o HR, mas tudo não se tratava de um encontro amoroso com Rhonda,e nós aqui suspeitando do novo apaixonado. 



John? Bom ele já teve muitos encontros amorosos nos episódio passados, aqui continuou sozinho, nem seu agrado com Urso, trazendo biscoitos caninos ajudou, já que o cão terminou passeando com Finch. 

E esse foi o episódio! O que mais gostei dele foi o encontro dos três Fusco, Carter e John, rendeu boas risadas, o sequestro relâmpago. E mostrou que a série consegue explorar os quatro personagens muito bem. Principalmente quando traz flashback mostrando a vida de Harold, que pouco conhecemos, mesmo estando na segunda temporada. E não é só nós que queremos saber mais de nosso quatro olhos John também, ele mostrou bem isso, quando conversou sobre baseball, tentando arrancar mais coisas sobre ele. 


Semana passada ficamos sem episódio, mas nos presenteou com um bom episódio, e semana que vem continua normalmente, com o episódio 2x09 “C.O.D”.

Postagens mais visitadas deste blog

Confira as 5 séries mais vistas na Netflix pelo mundo

Nos últimos dez anos, a Netflix transformou a forma como o mundo assiste filmes e programas de TV, fornecendo aos assinantes uma enorme biblioteca de clássicos convencionais  e dezenas de recomendações personalizadas - tudo disponível na ponta dos dedos. Isso é mais do que apenas conveniência,  é a metamorfose da mídia.
Usando os dados do Google Trends, o site highspeedinternet.com classificou os países pelo número de pesquisas relacionadas à Netflix e referenciou as suas classificações com as séries mais procuradas. No mapa acima você confere qual é a TOP de audiência em cada país, e, abaixo você confere quais as 5 séries mais procuradas no serviço de streaming.
TOP 5:

1 - Sherlock
2 - Friends
3 - Narcos
4 - House of Cards
5 - New Girl

Entendendo Game Of Thrones

Game of Thrones é uma série que acaba se tornando bem difícil de explicar, e isso ocorre justamente por causa da complexidade dos personagens, que são muitos, e pela quantidade de subtramas existentes. Então, meu objetivo com esse texto é fazer com que uma pessoa que nunca viu ou que não tenha entendido muito a premissa da série, entenda de forma clara qual a principal narrativa. Nesse texto não vou entrar em detalhes sobre os personagens e subtramas (senão você ficaria horas aqui lendo), apenas vou tentar mostrar a direção e o que a série propõe.
Como todos sabem, a série Game Of Thrones (produzida pela HBO) é a adaptação dos livros de fantasia épica escritos por George R.R. Martin, que são chamados de As crônicas de gelo e fogo. Já se passaram a 1° e 2° temporada, adaptando o primeiro (A guerra dos tronos) e o segundo (A fúria dos reis) livro, respectivamente. E nesse domingo é a estreia da terceira temporada, que irá adaptar a primeira parte do terceiro livro (A tormenta das espadas…

TOP 5 Séries Melhores que Game of Thrones

— Vikings: "Gosto de Game of Thrones porque tem muita luta medieval, sangue..."

As lutas medievais de Vikings são muito mais intensas, extremamente constantes na série. A série também vem de uma adaptação, só que dá história da humanidade, quando exploradores, guerreiros, comerciantes e piratas nórdicos invadiram, exploraram e colonizaram grandes áreas da Europa e das ilhas do Atlântico Norte a partir do final do século VIII. A série também é muito mais viciante, sem a morosidade de diálogos vistos na série da HBO.

— Banshee:  "Gosto de Game of Thrones porque tem muitas cenas de sexo e nudez"

As cenas de sexo de Banshee são extremamente mais explícitas. Nudez é cotidiano na série, inclusive nudez frontal. E a nudez de Banshee não são como em Game of Thrones, que praticamente mostra a nudez de prostitutas, personagens secundários. Em Banshee os atores principais estão nessas cenas. Banshee também ganha no quesito violência, sangue, ação, além de ter roteiro original.

— …

Agenda de Séries

Agenda de séries:

Fique por dentro das séries que vão ao ar no dia nos Estados Unidos com essa super agenda.  Dúvidas, críticas elogios... Caso haja algum erro na agenda, mencione-o nos comentários.

O Fim da Saga Red John em "The Mentalist"

Por Jaqueline Pigatto
Chegou ao fim uma das maiores sagas dos seriados da atualidade. Patrick Jane finalmente colocou as mãos em Red John, o serial killer que matou sua esposa e filha. A série, que teve início há 6 anos, sempre focou na busca do protagonista por vingança, com Red John sempre alguns passos à frente, criando mais perguntas para as poucas respostas que conseguíamos, praticamente entrando na mente de Jane e roubando uma memória feliz, até conseguindo sua lista de suspeitos, revelada ao final da quinta temporada.
A partir dali sabíamos que o momento tão esperado chegaria. A produção confirmou: vamos descobrir nessa temporada quem é Red John. Os 7 suspeitos da lista eram personagens que frequentemente passavam pela série, em sua maioria policiais ou ligados ao governo. Pessoas de poder e influência. Mas poucos fãs acreditavam que realmente seria um daqueles. Sempre teve a teoria de que o Red John seria o próprio Patrick Jane. O bizarro Brett Partridge era uma das principais…