Modern Family - S04E08 - Mistery Date


Phil ou Luke, qual deles o melhor?

Este foi um  episódio recheado de pequenos núcleos. Comecemos pelos que achei menos interessante. Primeiro, Claire-Alex. Apesar da moral interessante que tentou passar, ficou meio aquém. Alex vai a um concurso de cultura geral que já tinha vencido na edição passado, algo que Claire faz questão de deixar bem claro em conversa com os outros pais de concorrentes. Acontece que a garota é eliminada logo no início da competição. Depois foram as conversas já esperadas. Mas teve piada quando Claire percebeu que é uma "daquelas mães", que adora festejar a vitória da filha e jogar isso na cara dos outros( e que fala no plural -  "nós perdemos isto!").
Outro núcleo que não apreciei muito foi o de Jay e Mitch.  Sim, gostei dos desabafos de Mitch onde previa as reações do pai, mas ficou por aí. Quando se descobriu que afinal Jay não está doente, mas mal disposto pois vai ter que abdicar do seu escritório/espaço sagrado para transformar no quarto de Lily, a minha reação foi do gênero "ah, é isso". A única dúvida mais(ou menos) pertinente que me surgiu foi: numa casa tão grande não há mais nenhum quarto?


Quanto a Cam e Glória não desapontaram. Eu sou fã desta dupla. Gosto sempre quando vejo os dois interagindo mais, sei logo que vai sair coisa boa. Desta vez foi Glória que estava cheia de sono, como qualquer grávida que se preze, e a única coisa que desejava era tirar um cochilo. Por sua vez, Cam, fez tudo para isso não se proporcionasse, impedindo Glória de subir até ao andar de cima da casa, visto que este estava a preparar uma surpresa para a família Pritchett. Surpresa essa, no mínimo, surreal!


Estranhamente (muita estranhamente) Glória gostou. Já Jay também gostou, o que é ainda mais surpreendente. Mas como pudemos verificar depois, Jay só gostou porque assim tornou-se mais fácil desapegar-se do escritório.

Vamos então agora aos melhores núcleo deste episódio - Luke e Manny e Phil e Dave.
Phil, começou a frequentar a academia o que ele não sabe é que aquela academia é frequentada maioritariamente pelo público masculino gay. Dave e Phil rapidamente se tornam grandes amigos e os mal entendidos são mais do que muitos. Dave, gay e amigo de Cam (a quem está constantemente a pedir conselhos), saiu recentemente de uma relação e Phil aparece-lhe, estranhamente, como por milagre. Phil é o bobinho que nós já sabemos e pensa que descobriu um novo amiguinho. Dave acaba por ir jantar a casa de Phil e as situações cômicas e com segundos sentidos, sucedem-se. No final, Phil acaba por receber um beijo de Dave. Adorei a reação e a expressão facial de Phil.



E o outro par sensação foi Luke e Manny. Estes não podem ser mais o oposto. Manny não aguenta ver uma rapariga bonita que corre logo atrás, o problema é quando tem que entrar num Bar Mitzvah. 


Para isso conta com a ajuda do manipulador e safado Luke. Luke esteve demais mesmo e ajudou Manny a brilhar, ao invés de o ofuscar.  E enquanto ajudava o garoto, teve tempo para se infiltrar na cultura judaica, roubar presentinhos e comer o que por lá havia. Por fim, Manny lá conseguiu falar com a garota, mas se no principio a conversa até correu bem, o final não foi o melhor.



De destacar Luke e Phil neste episódio. Pai e filho estiveram 5*.

Melhor gif:


Tecnologia do Blogger.