Pular para o conteúdo principal

The Good Wife: 4x07 - Anatomy Of A Joke




Um bom episódio para animar os fãs da série. The Good Wife parece estar finalmente entrando no eixos nesta irregular quarta temporada.

Bem, tivemos episódios interessantes nesta temporada, mas ‘Anatomy Of A Joke’ deu a direção para a resolução de certos problemas que se evidenciaram no show até aqui.

Comecemos por Clarke Hayden (Nathan Lane), o personagem é uma incógnita até o momento. Se em ‘Waiting For The Knock’ ele evidenciou estar ao lado da Lockhart/Gardner, aqui ele tenta vender a firma para um concorrente. Se não fosse por David Lee (Zach Grenier) e uma alteração contratual que o isentaria de continuar na firma caso ela fosse comprada a venda estaria concluída. Na ultima review comentei que a Lockhart/Gardner não encontrava nenhuma ameaça real em relação a sua falência, nada que nos fizesse acreditar que realmente as coisas estavam ruins para o escritório e ao que parece Hayden, em razão de sua instabilidade, pode ser o maior problema para a empresa.

E quanto a candidatura de Peter foi engraçado e também um alivio ver que Eli e sua equipe está em movimento para aplicar um golpe em Maddie Hayward. Perece que finalmente perceberam que devem ser mais agressivos se quiserem sobreviver. Por outro lado, boatos continuam a surgir em relação a Peter e desta vez foi uma distinta marca em formato do Brasil e seu...enfim.

É curioso o fato de que todos os boatos em relação a Peter são extremamente sensacionalistas. Em um momento Eli pergunta se os jornalistas ouvem o quão ridículos soam. È inegável porem que por mais ridículos que estes boatos sejam eles causam um impacto enorme e gostei de como a série ridiculariza estes rumores o que acabou rendendo algumas risadas durante o episódio.

Alicia por sua vez ligou o f&#@-se e pouco se importa com as fofocas, nem mesmo expressa preocupação quando recebe uma misteriosa ligação a perguntando se ela “gosta de comida brasileira”. Admiro este aspecto, mas ainda acredito que cedo ou tarde ela será uma variável importante na campanha de Peter principalmente na disputa pelo eleitorado feminino que aprova Maddie.


No caso da semana tivemos a participação de Christina Ricci que interpreta uma versão feminina de Rafinha Bastos e é processada por uma emissora por mostrar os seios no horário nobre na TV. A moça era insana e não tinha noção de como se comportar, mas seu caso possibilitou que Cary aparecesse mais e tivemos a possibilidade de conhecer seu pai , que como todos puderam perceber, não tem uma relação muito amigável com o filho.

É interessante notar como Cary Argos cresceu como personagem, assim como nós Alicia o considerava um babaca no inicio e agora Diane ressaltou como o ele estava parado. Ao que tudo indica, ele crescerá na trama. Os fãs agradecem.

O caso foi ganho, a firma ainda não foi vendida, Kalinda mal apareceu e Peter e Alicia perceberam que a coisas não serão fáceis daqui para frente. E no fim tivemos um bom episódio que parece colocar a peças no lugar, esperamos que continue assim.

Promo do próximo episódio:

Postagens mais visitadas deste blog

Entendendo Game Of Thrones

Game of Thrones é uma série que acaba se tornando bem difícil de explicar, e isso ocorre justamente por causa da complexidade dos personagens, que são muitos, e pela quantidade de subtramas existentes. Então, meu objetivo com esse texto é fazer com que uma pessoa que nunca viu ou que não tenha entendido muito a premissa da série, entenda de forma clara qual a principal narrativa. Nesse texto não vou entrar em detalhes sobre os personagens e subtramas (senão você ficaria horas aqui lendo), apenas vou tentar mostrar a direção e o que a série propõe.
Como todos sabem, a série Game Of Thrones (produzida pela HBO) é a adaptação dos livros de fantasia épica escritos por George R.R. Martin, que são chamados de As crônicas de gelo e fogo. Já se passaram a 1° e 2° temporada, adaptando o primeiro (A guerra dos tronos) e o segundo (A fúria dos reis) livro, respectivamente. E nesse domingo é a estreia da terceira temporada, que irá adaptar a primeira parte do terceiro livro (A tormenta das espadas…

O Fim de Sons of Anarchy

"Papa's Goods" 7x13 [Series Finale] (Com spoilers)
Quando a morte é a última e única saída.
E Jax encontrou na morte a solução para tudo, mas Sons of Anarchy continuará viva, até em breve criarem um remake, ou até mesmo, continuar com a série, pois margem de sobra deixaram pra isso.
O fim de Sons of Anarchy tratou de mostrar o fim de Jax Teller, aquele se tornou protagonista da série, mas nem sempre foi assim. As primeiras temporadas eram comandadas por Clay, que revesava o papel principal com Jax, mas nem de longe as ações que ambos exerciam eram o mais importante da série.
Sons se destacou pelo conjunto de personagens e por ações em conjunto, alinhado às situações nada pacíficas da família Teller. Portanto, com o fim de Jax Teller, a série termina, mas, diferente da maioria das séries, o enredo sobreviveria "tranquilamente" sem Jax.
Ademais, a saída para "resolver" tudo foi a morte. Jax "morreu", mas foi para o "outro mundo" de a…

Agenda de Séries

Agenda de séries:

Fique por dentro das séries que vão ao ar no dia nos Estados Unidos com essa super agenda.  Dúvidas, críticas elogios... Caso haja algum erro na agenda, mencione-o nos comentários.

TOP 5 Séries Melhores que Game of Thrones

— Vikings: "Gosto de Game of Thrones porque tem muita luta medieval, sangue..."

As lutas medievais de Vikings são muito mais intensas, extremamente constantes na série. A série também vem de uma adaptação, só que dá história da humanidade, quando exploradores, guerreiros, comerciantes e piratas nórdicos invadiram, exploraram e colonizaram grandes áreas da Europa e das ilhas do Atlântico Norte a partir do final do século VIII. A série também é muito mais viciante, sem a morosidade de diálogos vistos na série da HBO.

— Banshee:  "Gosto de Game of Thrones porque tem muitas cenas de sexo e nudez"

As cenas de sexo de Banshee são extremamente mais explícitas. Nudez é cotidiano na série, inclusive nudez frontal. E a nudez de Banshee não são como em Game of Thrones, que praticamente mostra a nudez de prostitutas, personagens secundários. Em Banshee os atores principais estão nessas cenas. Banshee também ganha no quesito violência, sangue, ação, além de ter roteiro original.

— …

O Fim da Saga Red John em "The Mentalist"

Por Jaqueline Pigatto
Chegou ao fim uma das maiores sagas dos seriados da atualidade. Patrick Jane finalmente colocou as mãos em Red John, o serial killer que matou sua esposa e filha. A série, que teve início há 6 anos, sempre focou na busca do protagonista por vingança, com Red John sempre alguns passos à frente, criando mais perguntas para as poucas respostas que conseguíamos, praticamente entrando na mente de Jane e roubando uma memória feliz, até conseguindo sua lista de suspeitos, revelada ao final da quinta temporada.
A partir dali sabíamos que o momento tão esperado chegaria. A produção confirmou: vamos descobrir nessa temporada quem é Red John. Os 7 suspeitos da lista eram personagens que frequentemente passavam pela série, em sua maioria policiais ou ligados ao governo. Pessoas de poder e influência. Mas poucos fãs acreditavam que realmente seria um daqueles. Sempre teve a teoria de que o Red John seria o próprio Patrick Jane. O bizarro Brett Partridge era uma das principais…