Pular para o conteúdo principal

Person of Interest - S02E02 - Bad Cody


       POI vem nos surpreendendo, depois um final e inicio de temporada muito bons, não deixa nada a desejar em seu segundo episodio, dando continuação ao rapto de Finch. No final do episodio anterior vimos que John, descobriu quem é a verdadeira ‘Root’, e chama Carter pra ir ao Texas para descobrir mais sobre ela.

Enquanto Fusco fica de babá de Urso, para investigar mais sobre Alicia Corwin, John e Carter seguem para o Texas, atrás de Hanna Frey, a root.  Do outro lado temos a raptora, com Finch, Denton Weeks, o qual comprou a machine. Em meio a isso se desenrola o episodio.
John e Carter fazem um ótimo trabalho junto investigando o paradeiro/sequestro de Hanna, que John acha ser a Root, achei essa parte bem interessante. Carter mostra a Sr. Reese, que você pode usar de um bom trabalho policial para desvendar um crime, já que ela não é adapta ao jeito como ele trabalha, mas que ela já vem quase acostumando, como ela mostra quando vê que ele conseguiu os arquivos do caso de Hanna.
Os dois investigam o desaparecimento da garota, que ocorreu em 91, depois que ela saiu de uma biblioteca que costumava ir, para quem sabe conseguir o paradeiro dela hoje. Com isso eles falam, com a bibliotecária e o pai da menina, e descobrem que ele recebe às vezes correspondência para o nome de Hanna, sobre uma conta. Levando-nos sim, a casa do Sr. Russell, já que esse havia assinado uma conta bancária com o nome da garota, lá conversam com Sra. Russell, que é a bibliotecária que eles já haviam conversado.
Descobrem que a mesma recebe livros todo ano, e com isso John, a partir dos dados encontrados em um dos livros, procura o paradeiro de Hanna. E Carter, investiga mais sobre esse desaparecimento, e descobre na verdade que Sra. Russell, já sabia que foi seu marido que o cometeu e descobrem que a menina, está enterrada na varada da casa deles. E que na verdade Root é a amiga de Hanna, Sam Groves.
Achei muito interessante, fui pega de surpresa, que a Hanna não era a Root, mesmo que isso não tenha muito importância, adorei ser surpreendida. E nossa, que mulher é essa, que sabe que seu marido cometeu um crime, com uma criança, e mesmo assim, acoberta o crime e ainda casa com ele?
Apesar, dos fatos interessantes, passado no Texas, o ponto importante fica com Root e Finch, onde ela insiste que existem os ‘Bad Code’, que o ser humano é mal, individualista, egoísta e que a maquina sim é algo perfeito, já Finch, diz que o não, o ser humano pode ter suas falhas, mas não são tão ruins, e que podem ser ajudados.

Mas a teoria ‘Bad Code’ é provada por Root. Após torturar Weeks, para saber sobre machine, ela deixa os dois ali, sozinhos, com uma faca na mesa (todos fingem que acreditou que não foi proposital ok?). E Finch, sempre acreditando nas pessoas, ajuda Weeks, a se soltar, que consegue se defender de Root, deixando ela no chão, mas antes de fugir, ele acaba querendo saber informações importantes de Finch, que conta na ingenuidade, e por fim quase é morto. Mas tudo não passava de uma armação de Root, que provou que Denton era um Bad Code, que eles existem.
Há essa altura, John já sabe onde eles estão, mostrando novamente que ele não é feito só de músculos, e vai atrás deles. Mas Root e Finch, já estão indo para o Oeste, atrás da machine, Finch, deixa rastros, para seu amigo acha-lo. Aqui mostra que ela não é tão inteligente, porque até eu tinha entendido que ele não estava ligando, e sim deixando um código.
 Mas a culpa dela aqui, é que ela não achou que John viria atrás de seu amigo, na verdade nem Finch, acreditava muito nisso, já que ele se mostrou surpreso ao ver John. Já que esse bobo nem nada entendeu o código e encontrou os dois na estação de trem.
Com nosso amigo são e salvo, John, Finch e Carter voltaram para casa. Mesmo que a Root tenha fugido, ela acabou ficando uma ‘gratidão’, por eles terem desvendado o caso e dado um enterro digno a Hanna Frey. E eu nunca vi uma gratidão não ser retribuídas, então podemos esperar por isso...
Com certeza Root, ira voltar na serie, talvez seja a nova Elias, mas bem melhor, já essa se mostra muito inteligente, e arrisco dizer, tenha uma paixaozinha pelo Harold. Mas a que tudo indica, ela agora estará focada nas outras pessoas que sabem da machine e trabalhavam com Denton Weeks.
Como disse, adorei bastante desse episodio, assim como do anterior, mostrando que essa Segunda Temporada estará melhor ainda. Vamos ver o que os próximos episodio nos reserva.

PS: - Senti falta da abertura da série, espero que apareça nos proximos episodios.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Agenda de Séries

Agenda de séries:

Fique por dentro das séries que vão ao ar no dia nos Estados Unidos com essa super agenda.  Dúvidas, críticas elogios... Caso haja algum erro na agenda, mencione-o nos comentários.

O Fim da Saga Red John em "The Mentalist"

Por Jaqueline Pigatto
Chegou ao fim uma das maiores sagas dos seriados da atualidade. Patrick Jane finalmente colocou as mãos em Red John, o serial killer que matou sua esposa e filha. A série, que teve início há 6 anos, sempre focou na busca do protagonista por vingança, com Red John sempre alguns passos à frente, criando mais perguntas para as poucas respostas que conseguíamos, praticamente entrando na mente de Jane e roubando uma memória feliz, até conseguindo sua lista de suspeitos, revelada ao final da quinta temporada.
A partir dali sabíamos que o momento tão esperado chegaria. A produção confirmou: vamos descobrir nessa temporada quem é Red John. Os 7 suspeitos da lista eram personagens que frequentemente passavam pela série, em sua maioria policiais ou ligados ao governo. Pessoas de poder e influência. Mas poucos fãs acreditavam que realmente seria um daqueles. Sempre teve a teoria de que o Red John seria o próprio Patrick Jane. O bizarro Brett Partridge era uma das principais…

Netflix Divulga TOP 10 Séries mais vistas por super maratonistas

PREPARAR, APONTAR, ASSISTIR: MAIS DE 8 MILHÕES DE ASSINANTES QUEREM SER OS PRIMEIROS  NA MARATONA DE SÉRIES DA NETFLIX
Um novo tipo de aficionado surgiu com a Netflix, e eles estão correndo para serem os primeiros a terminar séries como Stranger Things, House of Cards, Fuller House e outras . Assistir a uma série inteira antes de todo mundo virou um novo símbolo de status.
A Netflix mudou a forma como o mundo se relaciona com séries  - espectadores podem assistir quando, onde, como quiserem e, principalmente, em qualquer ritmo. Ao fazer isso, a Netflix viu o surgimento de um novo tipo de fã: o super maratonista. Completando em um dia o que os outros levam semanas, os super maratonistas se empenham para serem os primeiros a terminar uma série, assistindo a uma temporada inteira nas primeiras 24 horas após o lançamento. 

No total, 8,4 milhões de assinantes da Netflix se tornaram super maratonistas, e a única coisa mais rápida do que o ritmo em que eles assistem a séries é o ritmo de cresc…

Entendendo Game Of Thrones

Game of Thrones é uma série que acaba se tornando bem difícil de explicar, e isso ocorre justamente por causa da complexidade dos personagens, que são muitos, e pela quantidade de subtramas existentes. Então, meu objetivo com esse texto é fazer com que uma pessoa que nunca viu ou que não tenha entendido muito a premissa da série, entenda de forma clara qual a principal narrativa. Nesse texto não vou entrar em detalhes sobre os personagens e subtramas (senão você ficaria horas aqui lendo), apenas vou tentar mostrar a direção e o que a série propõe.
Como todos sabem, a série Game Of Thrones (produzida pela HBO) é a adaptação dos livros de fantasia épica escritos por George R.R. Martin, que são chamados de As crônicas de gelo e fogo. Já se passaram a 1° e 2° temporada, adaptando o primeiro (A guerra dos tronos) e o segundo (A fúria dos reis) livro, respectivamente. E nesse domingo é a estreia da terceira temporada, que irá adaptar a primeira parte do terceiro livro (A tormenta das espadas…

Especial: TOP 5 séries que você não deve assistir com a sua mãe

Olá, leitores! Hoje não é um dia qualquer, não é um simples domingo onde você, caro leitor, comerá um pedaço de pizza do sábado à noite no almoço, porque hoje é o dia das mulheres da vida de cada um de vocês, das mulheres que consideram sagradas. Hoje é dia das mães! O Viciado Em Série não poderia deixar de prestar sua homenagem, contudo, decidido a fazer algo diferente do bom e velho “TOP 5/10 Mães de Séries/Filmes”, segue o "TOP 5 Séries Que Você Não Deve Assistir Com a Sua Mãe".
5º Lugar - Game of Thrones

Uma série da HBO para maiores de 18 anos cheia de nudez, cenas de sexo, incesto, orgias, guerras, violência de todos os tipos, entre outras situações embaraçosas. Game of Thrones, definitivamente, não é o tipo de série para você assistir ao lado da sua querida e sagrada mãe, afinal, qual filho não fica constrangido diante uma cena de sexo em um filme aleatório sendo assistido junto dela? Agora imagina uma cena dessas entre dois irmãos... Pois é, MELHOR NÃO! 
4º Lugar – Tr…