Fringe: Easter Eggs e Curiosidades de "Transilience Thought Unifier Model-11" 5x01 [Season Première]


Olá Fringeanos! Gostaram da season première de Fringe, ou acharam um pouco morna, como muitos estão comentando? Bom, os comentários sobre a volta de Fringe já foram postados aqui no VS na última segunda, mas ainda temos muitos detalhes importantes para debatermos. Estou falando dos "Easter Eggs e Curiosidades" do episódio, que começamos a postar em separado da review a partir da temporada passada.

É a última e reduzida temporada de Fringe. Vamos sugar ao máximo tudo que é relacionado aos episódios. As postagens serão dedicadas àqueles detalhes que na maioria das vezes, passam desapercebidos no momento do episódio. Caso alguém tenham outros easter eggs ou curiosidades do episódio que não mencionamos na postagem, compartilhe-as conosco nos comentários.   

Sem mais delongas, vamos a eles:

Vamos começar com os tradicionais Glyphs Code. A temporada começou com os glyphs formando a palavra "Doubt". A partir daí, abrem as especulações para os próximos episódios e teorias mirabolantes começam a surgir. 

Traduzindo ao pé da letra, temos a palavra "Duvida", que pode ser relacionada à diversos aspectos da narrativa. Seria a dúvida sobre um plano para derrotar os observadores, ou é algo mais complexo? Acredito que esse código terá mais sentido após a divulgação do código do próximo episódio.


Por falar em Glyphs Code, vimos alguns 'passeando' durante o episódio. Primeiro vimos o apartamento de Etta infestado por Borboletas e no fim do episódio, deparamos com um Cavalo Marinho no espelho retrovisor do carro onde Walter, tranquilamente escutava uma música. (Já falo da música já já)


É uma pena, mas a procura tradicional por Observadores não vai acontecer nessa temporada, infelizmente. O mundo é dominado por eles, sendo assim, não se esconderão mais. A produção poderia ter continuado com essa brincadeira, pois, o principal Observador (pelo menos pra gente) está sumido. Poderiam dar pistas sobre seu paradeiro durante os episódios.


Logo no início, Etta exibe com preocupação um pingente, que presumimos ser a bala que 'matou' Olívia no final da temporada passada. Etta tem a consciência de que sua mãe não morrera por ela e naquele momento, dá Olívia como desaparecida ou morta pelos Observadores, porém, sempre leva o 'amulêto' consigo, com a esperança do reencontro. Deu certo, como vimos.


Em um cenário apocalíptico, easter eggs não vão faltar. Logo de cara, vimos vários símbolos pinchados nos muros que poderemos usar para elaborarmos algumas teorias. Poderão ser algo importante ou apenas não significar nada. Mas como sabemos, em Fringe nada é aleatório. Poderia escrever um livro especulando as imagens curiosas que vimos no episódio, mas por enquanto, deixo isso pra vocês.


No final do episódio, Walter encontra um CD e coloca-o para tocar em um automóvel abandonado. A música em questão é da banda dos anos 80 chamada Yazoo e a música leva o nome de "Only You". Já que estamos falando em música, todos sabem que Fringe tem uma (ótima) trilha sonora original, como mostrada nesse episódio. O compositor da trilha de Fringe desse episódio, chama-se Chris Tilton, que postou um MP3 livre da trilha sonora, intitulada "Searching For Olivia Dunham" em seu site ChrisTilton.com.

Yazoo: "Only You"

     

Ouça ou baixe a composição original do episódio composta por Chris Tilton disponibilizada em seu site AQUI

Na procura incessante à Olívia, Peter e cia acabam encontrando-a ainda presa no âmbar em posse do 'apaixonado' colecionador de livros, Edward Markham. Mas antes desse fato, Markham estava assistindo um filme antigo em preto e branco. Na verdade não é filme e sim, uma série de TV chamada Maverick e o episódio é o 19ª da segunda temporada da série, intitulado "Duel at Sundown". Revelação maior dessa cena: Markham é um viciado em séries! (o/)


Não houve novidade sobre a abertura da 5ª temporada. Os produtores adotaram a abertura vista pela primeira vez em “Letters of Transit”. Na verdade, o episódio 19 da temporada passada é como se fosse o primeiro episódio da 5ª temporada, sendo "Transilience Thought Unifier Model-11", o segundo, tecnicamente falando.

     

Individualidade - Imaginação - Pensamentos - Particulares - Domínio - Livre-Arbítrio - Liberdade

Humor:

Em um mundo onde a música não 'existe', acho que qualquer música que tivesse naquele CD encontrado por Walter, ele teria a mesma reação, ou não? Será que se os produtores usassem a música abaixo, a reação de Walter seria mesmo a que vimos? A cena seria assim:

     

PS: o Windmark deve ter ouvido isso muito, para odiar tanto as músicas desse jeito. (rs)

Por Fábio Lins
Tecnologia do Blogger.