Expectativas da terceira temporada de "Nikita"



Nikita: “Do you remember what I said when I decided I was going to let you infiltrate Division?
Alex: “Here we go?”
Nikita: “Here we go again.”


Seis meses depois de assistirmos a turbulenta season finale de Nikita, posso dizer que alguns sentimentos e dúvidas ainda se conservam. Particulamente, ainda não me recuperei de todos os quarenta e dois minutos de pura ação do último episódio. E, pelo apresentado na Comic Con deste ano, não me parece que eu vá me recuperar tão cedo.

Assim como o título que dá nome à season finale, “Homecoming” parece ser a palavra de ordem do primeiro capítulo da terceira temporada. Segundo o produtor executivo da série, Craig Silverstein, o episódio que dá início à nova temporada apresentará características de um “piloto” (a começar pelo seu nome que será “3.0”) Portanto, essa será uma ótima oportunidade para você que veio parar aqui nas reviews e nunca assistiu a série (lembrando que, ainda sim, vale a pena assistir às duas temporadas anteriores). Situada em um espaço de tempo de um mês desde o último episódio exibido pela CW, a trama apresentada no próximo capítulo terá como cenário a cidade de Hong Kong e já irá introduzir o tema global da temporada: Família.

“Homecoming”, “Here we go again”, “3.0”, “Família”. A começar pelos títulos e principais quotes da última temporada, o único que se pode esperar é que os próximos episódios venham com a dicotomia futuro/passado. Sabe aquele rumo com cara que futuro, mas que, ao mesmo tempo, bebe do passado? Então, tudo indica que, para determinar o futuro da Division, Nikita e seus parceiros deverão resgatar e reviver alguns momentos do passado. E, dentro disso, algumas perguntas precisam ser respondidas:

- Com Ryan (Noah Bean agora fará parte do elenco fixo da série) no comando da Division, quem, realmente, terá a palavra final? Ele ou Nikita?

- Como Nikita se comportará agora que está, aparentemente, livre da perseguição da Division, mas, ao mesmo tempo, presa às regras do governo?

- E as relações amorosas? Nikita e Michael, Alex e Sean, Birkhoff e Sonya? Depois da grande formação de casais na última temporada, qual será o destino deles? Craig afirmou que os fãs de Mikita ficarão muito satisfeitos com as próximas cenas do casal, mas que nem tudo é para sempre. Ou seja, fiquem preparados para possíveis rompimentos (meu palpite vai para um possível envolvimento de Nikita com Ryan ou Owen).

- Por falar em Owen, por onde ele andou esse tempo todo? (O personagem voltará no quarto episódio da série, intitulado “Consequences”).

- E quanto à Division? A organização será mesmo capaz de limpar toda a bagunça que fez no decorrer dos anos?

- Por fim, e, na minha opinião, o quesito de maior expectativa: E a Amanda? Agora em pose de uma black box não mais encriptada, será capaz de fazer uso dela e ir contra tudo que o Percy tinha receios?

São muitas perguntas e poucas respostas. Quanto às minhas expectativas, elas se concentram nos conflitos de poder entre Ryan e Nikita e às descobertas do passado de mais personagens. E, obviamente, não posso deixar de desejar que haja um luta física entre Nikita e Amanda, né? A cena da luta no 2x18 só aumentou as expectativas! (Já passou da hora de vermos o desempenho de Melinda Clarke).

Por tudo isso já se consegue perceber que a série tem tudo para fazer uma ótima temporada e arrastar pra longe o papo de que “a terceira é a última”.


“Everytime you gaing, you always lose.” – Maggie Q, na Comic Con, sobre o recente ganho de liberdade de Nikita.
Tecnologia do Blogger.