Dexter "Swim Deep" 7x05


A sétima temporada de Dexter vai muito bem, obrigado. 

Estão tentando 'arrumar a casa' e estão conseguindo. Noto claramente as mudanças nessa temporada em relação às duas anteriores. A produção está mais atenta aos detalhes, apesar de ter falhado um pouco nos dois primeiros episódios. "Swim Deep" mostrou que dá pra fazerem um Dexter sem abalar as estruturas do personagem e isso foi evidenciado em diversos pontos.

A essência do Serial Killer foi mantida. A essência da Detetive Morgan também. Caso principal tendo desfecho, mas não encerrado. Caso paralelo deixando lacunas para serem preenchidas na sequência. Como se não bastasse, personagens secundários estão sendo bem desenvolvidos (ou mortos), dando esperança que serão acrescentados de forma coesa ao desfecho da temporada. Esse parágrafo define o episódio, dando-nos noções de que estão usando essa temporada para 'limpar a sujeira' acumulada em temporadas anteriores para que possam mostrar uma última temporada com o que a série tem de melhor.

Falando em "limpar a sujeira", a cena inicial mostrou o que disse anteriormente: atenção aos detalhes. Dexter tinha que descobrir vestígios da morte de Louis em seu barco e descobriu. Fator que o colocou dentro do caso principal da temporada, mas não o plot mais importante. Isaak mostrou que poderá superar a maioria dos pífios vilões que vimos anteriormente na série. Ele é um psicopata que vingará a morte de Viktor a todo custo, mesmo que isso demore. Dexter tentou eliminá-lo de um jeito diferente, sem sujar suas mão de sangue e acabou surpreendido. Dessa vez, não se intrometeu no caso e deixou que Deb prendesse Isaak. Uma faceta diferente na série que chegou em boa hora. Chegou para selar a nova relação entre os irmãos. ''Não sei, não quero saber e tenho raiva de quem sabe''.


O que impedirá Isaak de encomendar a morte de Dexter mesmo de dento da prisão? A sua sede de vingança impedirá momentaneamente, pois ele mesmo quer acabar com Dexter, mas duvido se ele pegar uma pena longa, esperará tanto tempo assim. Esse plot parece encerrado, mas não está. Muita coisa virá a respeito e acredito que a bomba explodirá quando Dexter tiver atolado de problemas vindo de todos os lados, como sempre acontece na série.

Sobra espaço então para o caso Hannah McKay, o caso que virará caso de amor entre serial killers em breve. O que impede Dexter de botar a boca no trombone e entregar logo a assassina? Claro que não adiantaria muito, pois, Hannah está imune, mas Dexter estaria fazendo o seu trabalho. Acredito que a atração é mútua. Hannah parece reconhecer um serial killer pelo cheiro e sente-se atraída. Dexter já notou isso e parece estar interessado em se relacionar amorosamente com a loira. Como Dexter gosta de loira, mas essa loira... ♥♥♥


Ademais, esse caso ainda deve render um pouco mais. Hannah ainda tem muito corpo para desenterrar e parece estar gostando disso tudo. 

Vamos para a metade da sétima temporada e já posso considerar que estamos acompanhando uma boa temporada de Dexter. Alguns erros, mas bem mais acertos, porém estão acertando os assuntos principais, montando uma estrutura para a temporada final, que deverá ter um Dexter desmascarado, com todos os seus crimes expostos. Não há outro rumo. Anotem e me cobrem.

Deb, Lumen e Isaak já conhecem o verdadeiro Dexter. Hannah deve descobrir em breve, mas, o maior problema será quando LaGuerta descobrir e é claro que vai. Deb não vai conseguir salvar Dexter das garras da mocréia. Detalhe que Deb deu uma de LaGuerta ao jogar um balde de água fria em Batista. Dejavu gigantesco naquele momento, mas ao contrário da Lagarta, Deb tem um bom coração e deverá manter-se fora dos 'problemas' de seu irmão. Isso ela disse, mas nem ela acredita, imagine eu.


PS:  - Sentindo o cheiro da morte de Quinn! #TodosComemora
       - Vimos Dexter narrando a cena onde Isaak detona seus inimigos naquele bar. Cena de arrepiar, muito bem produzida.
Tecnologia do Blogger.