Pular para o conteúdo principal

New Girl's Season 2 Premiere (Re-lauch e Katie)


Who’s that girl? Its Jess! Olá olá, vou começar uma review sobre New Girl, que eu pessoalmente estava ansiosíssima pela volta. New Girl na minha opinião sempre foi aquele tipo de série que você assiste pra dar alegria pra sua semana, aquela comédia que não precisa de muito pra ser engraçadinha, e ainda assim sempre alegra qualquer um.

Então vamos lá, essa semana tivemos a première com 2 episódios, pra matar a saudade mesmo.

  
A principio fiquei curiosa com o nome do episódio 2x01 “Re-Launch” , por que talvez eles mudasse o estilo da série, ou voltassem ao que era no inicio, e não deu outra. O episódio começa no apartamento deles, todos juntos, Schmidt’s ainda usando aquela “tala” nas partes intimas dele, e Nick ainda cantando no chuveiro,como sempre. Mas assim que jess vai para o seu trabalho, uma reunião com a diretora com a escola, voltamos ao que deu impulso pra série na primeira temporada: Jess viu a vida dela desabar, perdendo o emprego como professora da escola. O que eu achei interessante nessa perda de emprego dela, foi que ela não chorou litros, baldes, oceanos, ela se manteve “firme” apesar dos 3 amigos estarem apreensivos com a reação dela.


O episódio praticamente inteiro se passa na festa de “Welcome Back” do Schmidt’s ( que pra quem nao se lembra, estava meio.. impossibilitado de fazer o que ele mais gosta. Sexo. ). Com os preparativos pra festa, Schmidt’s precisava de alguma dançarina, shooter, pra festa, e claro, Jess tinha que se oferecer. O que eu percebi nesse episódio foi uma Jess querendo sair dos padrões dela, querendo ir além, o que também vemos no eps 02 dessa temporada, que eu vou falar ja já.


Como de se esperado, Jess nao consegue ser uma shooter, por ser algo que nao combina com ela e tudo mais.

Mas pessoalmente, tirando todo o enredo do episódio, acho que o que mais marcou nessa abertura de temporada é o quanto ela e Nick continuam próximos, ele sempre dando as palavras nada agradáveis e ela sempre se animando, continuo com a minha opinião de que os dois formariam um casal incrível, principalmente no final, quando os dois estão juntos, conversando e se divertindo da forma deles.

Mais uma coisa que me deixou sem reação com o episódio, Cece tem um novo namorado, mas eu acho que é apenas um namoro “faixada” pra chamar atenção do Schimidt’s , mas vamos aguardar.

Winston ficou meio de fora nesse primeiro episódio, apesar que a aparição dele foi bem interessante, acho que com o tempo vão achar um lugar pra graça dele aparecer, e acho que o que o pessoal da produção tem em mente é bem isso, achar o que cada personagem tem de forte pra série.  

Pontos fortes do episódio? Sem duvidas as expressões da Jess, que é o que normalmente faz todo mundo se divertir, e as frases do Schmidt’s .. Pontos fracos? Acho que eu esperava mais do primeiro episódio, um enredo mais.. primeiro episódio sabe? Aquele episódio que todo mundo espera por meses.. bom, nao foi o que eu achei... No final do episódio, parece que agora aquele estilo de final com um “pós final” veio pra ficar em new girl, o que normalmente é alguma cena engraçadinha pra fechar o episódio, e foi isso, Winston cantando: épico, como sempre.

  

___________________________________________________________________________

Agora, sobre o segundo episódio, “Katie”, de novo, eu tive uma certa curiosidade a respeito do nome, pensei em tudo : uma nova namorada do Nick, uma nova amiga pra Jess, até mesmo uma nova sex buddy pro Schmidt’s. Maaas....


O episódio começa com Jess na cozinha, e temos aquela cena que pra mim é o que marcou durante toda a primeira temporada, os 3 colegas de casa da Jess, comentando tudo que ela fazia como se ela nao estivesse lá, e ao mesmo tempo conversando com ela, acho essas “interações” extremamente divertidas. A conversa deles se resume em: Jess anda muito tempo em casa, e isso incomoda, por que..bom..é a Jess. E de novo, temos aquela coisa da Jess querer sair dos padrões dela, por influência dos garotos..
Ela vai ao bar, e lá começa a nova saga da Jess: os homens. Acho que isso é uma coisa que eu nunca esperaria dela, e da mesma forma que eu nao esperava isso dela, eu nao esperava me divertir tanto com a atitude dela.


 
Primeiro ela pede pro Nick passar o telefone dela pra um dos caras que fazem entrega no bar, e a surpresa vem no meio do episódio. Mas antes disso um total desconhecido vem perguntar pra ela se ela é a “Katie” (aháá! ) e é isso, Jess afirma que o nome dela é Katie e depois de muita conversa com o estranho, ela começa com um casinho sexual com o rapaz, o que é extremamente engraçado, por que ela faz questão de contar pros colegas, que fazem questão de falar que ela nao daria conta, de ter algo assim, que ela é muito desastrada, e eu achei sensacional. Porém, como o nick tinha passado o telefone dela pro cara do bar.. ela fica entre os 2.. Porém (de novo) o nick tinha passado o telefone pra pessoa errada! Bom, se eu ficar escrevendo assim vou acabar dando spoiler de mais, mas sério, cenas com a Jess trocando mensagens “sexys” com o carinha errado,  ela xingando o corretor automático.. são “sacadas” de série de comédia que são simples, mas fazem a gente rir alto..
E claro que toda essa confusão entre dois caras, acabam dando mais confusão ainda, e pra mim..é o ponto alto do episódio, a discussão no banheiro.


Uma outra coisa interessante desse episódio, um pseudo “Nick do futuro” vem conversar com o Nick, claro, todo mundo percebe que é só um old drunk guy, mas é uma interação divertida, e que faz todo mundo prestar atenção. O “nick do futuro” diz pro nick que ele tem algo pra pedir desculpas pra Jess, e isso fica no ar, do que ou por que.




Aaaaah, nesse episódio temos também aquilo que a gente aaaamaaa, douche jar! Acho que nesses 2 primeiros episódios, foi a única vez que o Schimidt’s falou algo que teve que pagar pra Douche Jar, Go Schmidt’s!

Pessoalmente eu gostei mais do episódio 02 do que do 01,  achei mais engraçado, mais divertido, mais New Girl, aquela série bobinha mas que todo mundo ama.


E de novo, no fim do episódio, aquele final.. “cena nada haver” que é algo que eu acredito nao ter comentado, então vou comentar agora, a família do Winston vem visita-lo, e o Schimitd’s fica louco com a irmã dele, e o final é isso, ele tentando “impressiona-la” jogando basquete, daquele jeito bem Schimidt’s de ser,muito bom. 

Por Fernanda Mafra.

Postagens mais visitadas deste blog

Entendendo Game Of Thrones

Game of Thrones é uma série que acaba se tornando bem difícil de explicar, e isso ocorre justamente por causa da complexidade dos personagens, que são muitos, e pela quantidade de subtramas existentes. Então, meu objetivo com esse texto é fazer com que uma pessoa que nunca viu ou que não tenha entendido muito a premissa da série, entenda de forma clara qual a principal narrativa. Nesse texto não vou entrar em detalhes sobre os personagens e subtramas (senão você ficaria horas aqui lendo), apenas vou tentar mostrar a direção e o que a série propõe.
Como todos sabem, a série Game Of Thrones (produzida pela HBO) é a adaptação dos livros de fantasia épica escritos por George R.R. Martin, que são chamados de As crônicas de gelo e fogo. Já se passaram a 1° e 2° temporada, adaptando o primeiro (A guerra dos tronos) e o segundo (A fúria dos reis) livro, respectivamente. E nesse domingo é a estreia da terceira temporada, que irá adaptar a primeira parte do terceiro livro (A tormenta das espadas…

O Fim de Sons of Anarchy

"Papa's Goods" 7x13 [Series Finale] (Com spoilers)
Quando a morte é a última e única saída.
E Jax encontrou na morte a solução para tudo, mas Sons of Anarchy continuará viva, até em breve criarem um remake, ou até mesmo, continuar com a série, pois margem de sobra deixaram pra isso.
O fim de Sons of Anarchy tratou de mostrar o fim de Jax Teller, aquele se tornou protagonista da série, mas nem sempre foi assim. As primeiras temporadas eram comandadas por Clay, que revesava o papel principal com Jax, mas nem de longe as ações que ambos exerciam eram o mais importante da série.
Sons se destacou pelo conjunto de personagens e por ações em conjunto, alinhado às situações nada pacíficas da família Teller. Portanto, com o fim de Jax Teller, a série termina, mas, diferente da maioria das séries, o enredo sobreviveria "tranquilamente" sem Jax.
Ademais, a saída para "resolver" tudo foi a morte. Jax "morreu", mas foi para o "outro mundo" de a…

Agenda de Séries

Agenda de séries:

Fique por dentro das séries que vão ao ar no dia nos Estados Unidos com essa super agenda.  Dúvidas, críticas elogios... Caso haja algum erro na agenda, mencione-o nos comentários.

O Fim da Saga Red John em "The Mentalist"

Por Jaqueline Pigatto
Chegou ao fim uma das maiores sagas dos seriados da atualidade. Patrick Jane finalmente colocou as mãos em Red John, o serial killer que matou sua esposa e filha. A série, que teve início há 6 anos, sempre focou na busca do protagonista por vingança, com Red John sempre alguns passos à frente, criando mais perguntas para as poucas respostas que conseguíamos, praticamente entrando na mente de Jane e roubando uma memória feliz, até conseguindo sua lista de suspeitos, revelada ao final da quinta temporada.
A partir dali sabíamos que o momento tão esperado chegaria. A produção confirmou: vamos descobrir nessa temporada quem é Red John. Os 7 suspeitos da lista eram personagens que frequentemente passavam pela série, em sua maioria policiais ou ligados ao governo. Pessoas de poder e influência. Mas poucos fãs acreditavam que realmente seria um daqueles. Sempre teve a teoria de que o Red John seria o próprio Patrick Jane. O bizarro Brett Partridge era uma das principais…

Especial: TOP 5 séries que você não deve assistir com a sua mãe

Olá, leitores! Hoje não é um dia qualquer, não é um simples domingo onde você, caro leitor, comerá um pedaço de pizza do sábado à noite no almoço, porque hoje é o dia das mulheres da vida de cada um de vocês, das mulheres que consideram sagradas. Hoje é dia das mães! O Viciado Em Série não poderia deixar de prestar sua homenagem, contudo, decidido a fazer algo diferente do bom e velho “TOP 5/10 Mães de Séries/Filmes”, segue o "TOP 5 Séries Que Você Não Deve Assistir Com a Sua Mãe".
5º Lugar - Game of Thrones

Uma série da HBO para maiores de 18 anos cheia de nudez, cenas de sexo, incesto, orgias, guerras, violência de todos os tipos, entre outras situações embaraçosas. Game of Thrones, definitivamente, não é o tipo de série para você assistir ao lado da sua querida e sagrada mãe, afinal, qual filho não fica constrangido diante uma cena de sexo em um filme aleatório sendo assistido junto dela? Agora imagina uma cena dessas entre dois irmãos... Pois é, MELHOR NÃO! 
4º Lugar – Tr…