Damages: "I Need to Win" S05E06




Olá, queridos leitores! Estão todos bem? Espero que sim! Bom, o sexto episódio da série deixou bem claro que nem tudo é o que parece (e pela promo, o sétimo irá abordar bastante esse assunto). Enfim, vamos começar essa review.

O episódio começa com a Ellen tendo um sonho bastante peculiar – isso para não dizer esquisito. Enfim, a partir desse sonho, ela evolui e começa a ver “coisas”. O ex-marido que morreu assassinado na banheira e até ela mesma quando foi atacada por um assassino. Estou começando a suspeitar da sanidade mental da Parsons. Agora é esperar para ver onde isso vai dar.

Eis que surge, o homem que estava hospedado no quarto ao lado ao de Naomi na segunda vez que ela encontrou McClaren, Thomas Weld (Ben Livingston). Patty vai atrás dele e em seu depoimento, o homem deixa claro que não ouviu nenhum grito, discussão ou algum barulho que parecesse que a mulher estava sendo atacada pelo hacker. Nesse meio tempo, o hacker diz que quer fazer uma oferta para Rachel de três milhões de dólares, mas Ellen tenta fazer com que ele desista da ideia. Teimoso que só ele, marca um encontro com Rachel e a mesma mente para Patty dizendo que não irá se encontrar com o hacker, quando na verdade, ela vai. Ele conta a menina seu lado da história, acrescenta a agressão, mas diz que não tinha a intenção de machucar sua mãe e que às vezes, ele interpreta errado os sinais das pessoas, ele também aproveita e faz a oferta a Rachel. Bom, já ficou mais do que claro que McClaren tem certo problema em se comunicar com outros seres humanos, o próprio já disse isso. Enquanto isso, a ex aprendiz da Hewes, encontra Thomas Weld que lhe dá o mesmo depoimento podendo assim favorecer a sua defesa.
O que acontece é que Rachel aceita o acordo e isso faz com que, Patty e Ellen se unam para não deixar que o caso se encerre sem nenhuma das duas vencerem. Não valem nada essas duas e prefiro mil vezes vê-las trabalhando juntas a uma contra a outra, apesar de que está sendo bastante interessante ver o circo pegar fogo com tudo. Parsons ameaça Thomas e ele mente em seu segundo depoimento para Patty e esta o mostra para Rachel. A menina acaba optando por recursar o acordo de McClaren.

O episódio se resume basicamente nisso e foi mais um para a lista de episódios mornos da temporada. Sinceramente, espero que melhore no sétimo, pois estamos entrando na reta final da quinta e última temporada da série. Também estou sentindo falta dos flashforwards apesar de que tivemos um pequeno neste. Bom, não tem o que comentar sobre ele, apenas posso dizer que estou bastante curiosa para vê-las se enfrentando em um tribunal. E vocês?

Nota¹: Olha só, o Sr. Davies apareceu no episódio e eu tenho a leve sensação de que ele ainda volta.
Nota²: Damages tem uma direção maravilhosa, mas estão precisando dar uma agitada nesse roteiro, e parar com a palhaçada de corte de orçamento e voltar com os flashforwards mais intensos.

Espero que tenham gostado do episódio mais do que eu, que tenham gostado da review e até a próxima!

Antes de fechar, uma frase de Patty Hewes:
“Viu o que podemos fazer quando trabalhamos juntas?”

That’s all folks!
Tecnologia do Blogger.