Alphas S02E04 - When Push Comes to Shove



Por Cinthia Mendonça

Olá meu povo!!!! Atrasei, mas cheguei!!! Já estava mega curiosa com os falatórios no Twitter sobre o episódio...então, bora pra mais uma review de Alphas aqui no Viciado.


Não me canso de assistir a Kat. Que personagem maravilhosa! Inseri-la foi uma ideia fantástica. Ela é engraçada, extrovertida e cheia de energia, pelo menos até agora. Deu uma boa mexida na série! Mas esse episódio não foi só sobre a Kat.

A surtada da Nina está de volta e muito pior. Sua habilidade melhorou muito e usar isso a seu favor, como ele sempre fez, já está ficado chato. Não sei por que ainda não a cortaram da série?!! Uma personagem capenga dessas já deveria ter ido. Não suporto gente dramática, carente e egoísta! I know, i know, estou em uma fase “ tolerância zero”, kkkkkkkkkkk!!! Mas voltando, tenho certeza que muitos meninos que curtem Alphas, e mesmo os que não curtem, vão passar a curtir depois de ter visto Nina usando sua habilidade( enfeitiçando, hahahah) em Rachel, quando esta foi procurá-la. O que foi que ela fez? Hein? Hein? Mandou a pobre lhe dar um mega beijo, na boca! Sim meu povo, desses que desentopem qualquer pia ( Ou será boca? Kkkkk).


O fato é que além de tudo o que foi citado acima, “a coisa” ainda é uma megera. É claro que pra gente extremamente egoísta, sempre tem uma desculpa considerada pertinente: “Temos que tratar Nina como uma viciada” diz Dr. Rosen. A cada cena que ia se desenrolando, eu ficava mais tensa e mais de boca aberta com o egoísmo dessa mulher. Nada justifica enfeitiçar ( chamarei assim sua habilidade, agora, hunf!) um namoradinho de infância, casado e com um filhinho, simplesmente porque ela não quer ficar só e se sente carente ( palavra patética.). Como assim????? Aí depois de tudo isso, a gente descobre que quando criança, sem querer, ela induziu seu pai ao suicídio simplesmente por obrigá-lo a fazer o que ele não queria, ou seja, permanecer em casa com sua família. Que tristeza! Pobre da Nina! E numa tentativa frustrada de suicídio, culminando com um resgaste mega incrível de Hicks, ela recebe mais uma chance de se regenerar e de se perdoar. Ai, ai, ai, quanto drama! O episódio foi bem bom, cheio de aventura, mas com um dramalhão a la Maria do Bairro como esses, é dose de aguentar. Prefiro muito mais ver o início do namoro de Rachel com o agente novo, John Bennet, tão fofinhos... É isso meu povo! Muita Nina, muito drama e pouca ação dos Alphas. Mesmo assim dou nota 8, porque Alphas é sempre Alphas! E pra quem quer conhecer um pouquinho das novas personagens, clica aqui

 Ponto alto do episódio: Quem precisa da Liga da Justiça quando se tem Hicks por perto? Hã? Hã? Aquele resgate foi muito massaaaaaaa!!! 

 Ponto baixo do episódio: Cena do telhado podreeeeee, muito mal feita. Deu pra ver claramente a maquete montada. Nossa! Poderiam ter tido um pouco mais de cuidado!
Tecnologia do Blogger.