Pular para o conteúdo principal

The Glee Project - 2x06 Fearlessness


Mais uma semana de The Glee Project. Está passando bem rápido! O tema da semana foi Fearlessness. Aylin Mais uma vez comemorou como ela sempre comemora toda semana. Ainda bem que ela rodou no final do episódio, estava na hora de ela baixar a bola dela, apesar de eu achar que ela é uma forte candidata a ganhar o programa. A música foi uma surpresa para todos eles, eu não conhecia mas adorei a coreografia que eles fizeram. Nellie começou a seção reclamação dela. Ela passou o episódio inteiro reclamando!


Convidada da semana foi a Jane Lynch. Ela é simplesmente fantástica. O pessoal pirou quando ela entrou. Ela se envolve muito, conversa com todo mundo. Apesar de gostar da coreografia, não gostei de algumas pessoas especificamente. Shanna parecia uma criança de 5 anos cantando. Nellie estava completamente perdida. Os meninos, ao contrário estavam muito bem! Aylin para mim foi a melhor. Lily também foi ótima, mas Aylin merecia ter ganhado. Jane falou com Nellie sobre como ela se apaga. Daí ela se desmotivou de novo, e continuou reclamando. Por fim a vencedora foi a Lily.
A música foi um Mash-up: One Way Or Another/Hit me With Your Best Shot. A idéia do clipe é em uma piscina e depois vira uam guerra de raspadinhas. A idéia é realmente boa e o mash-up é realmente bom. Mas eu acho muito falho colocar músicas que já foram cantadas em Glee. Já foi muito complicado ter alguém cantando Without You no começo da temporada que foi uma das melhores músicas que a Lea Michele cantou em Glee. Uma coisa é você colocar You Can't Touch This, que em Glee foi completamente vergonhoso e ninguém lembrava que existia e em The Glee Project se tornou memorável. Outra coisa é você pegar um mash-up cantado por Naya Rivera, de um duelo entre New Directions e Troubletones e colocar no programa. É impossível não comparar.
Antes do vídeo, temos uma cena entre Charlie e Aylin que eu não consigo entender mais o que acontece entre os dois. Aylin primeiro beija o menino. Depois fala que não quer nada. Depois decidem ser amigos. Depois ela fala que ele pode ser o primeiro namorado dela. E fica nessa brincadeira. Por favor né gente?
Vocais com a Nikki: Nellie começa e vai muito bem. Charlie vai em seguida e fica naquela e olhar pra fora de novo. Nikki não gosta de como ficou a voz dele, achou aritifical. Abraham vai em seguida e é excelente. Michael vai gravar, eu particularmente achei bom, mas sou suspeita pois sou #TeamMichael. Nikki diz que falta alguma coisa ainda.



Gravação do vídeo: Já começamos com problemas com a Aylin, que ri de tudo. Reclamaram do Charlie que estava quietinho de mais. E a sincronia dele estava ruim. Nellie normalmente com problemas de confiança, as partes dela são realmente difíceis. São partes principais pra uma pessoa que não ganhou o dever de casa.


Por falar nisso, a Lily foi fantástica. A conversa dela com a Jane Lynch foi muito bacana e ela no vídeo foi maravilhosa. E aí foi chegada a hora que eu realmente menos entendi no episódio inteiro: Ali levando raspadinha na cara. Ela quis não quis? Agora vai ficar aí minha filha, não queria? Assumiu os riscos! Eu não fico com dó não. Ano passado, enxeram o saco do Cameron porque ele falou que era muito gelado. Ela QUIS a seção, assumiu os riscos. Ela mais do que ninguém sabe das suas limitações. Não tenho dó mesmo! E foi um ato de MUITA de coragem mesmo se arriscar daquele jeito. E a parta mais impressionante pra mim é ela entrando na piscina. A Nikki ficou extremamente incomodada com a situação.

Sobre o vídeo, queimei minha língua. Pouco me lembrei da Naya cantando, da Heather pulando. Conseguiram fazer uma apresentação maravilhosa. Como funciona esse negóocio de cantar debaixo d'água? Amei! Mas no tema raspadinhas, fico com a do ano passado. Ice Ice Baby/Under Pressure é insuperável.
A escolha dos três últimos foi de partir o coração completamente. Ali e Lily foram as duas primeiras salvas. Shanna, Blake e Abraham também. E aí ou Nellie ou Michael ou ambos estariam no pau. Charlie: tenho dó. Semana passada os caras reclamaram que ele roubou a cena no vídeo e que isso não era bom. Essa semana ele estava apagado de mais. Fica confuso, para ele também, saber o que fazer. Não concordo com as atitudes dele, nem acho que ele merece ganhar o programa. Mas a culpa do que ele faz não é só dele não. Aylin, abaixe sua bola. Você é muito boa e provavelmente vai ganhar. Mas abaixa a bola. Nellie, sua permanência no programa é praticamente impossível porque você tem tanta falha, mas estou com você até o final. Michael, idem.
Michael foi salvo e aí eu parei pra pensar quem iria para casa. Tive certeza absoluta que seria a Nellie, porque o Charlie sempre apresenta bem e sempre convence nas apresentações. Nellie cantou If I Were a Boy da Beyoncé, puxado! Aylin, Take a Bow da Rihanna, pesado! Charlie cantou It's Not Unusual, do Tom Jones e todos ficaram com uma cara de "oi?"
Aylin foi a primeira a aprensentar. Fantástica, que voz, que interpretação. Com certeza estava garantida. Charlie, que apresentação. Como sempre, ele arrebenta. Terça no twitter o pessoal to cast não parava de comentar. Ele subiu na cadeira do piano, mudou a letra da música. Mas o Ryan teve a cabeça no lugar de saber que não é só a performance que conta. O cara está ali pela terceira vez seguida pelo mesmo motivo. O Ryan ainda falou "toda vez que você fala isso você me convence mas toda semana temos o mesmo problema." A próxima foi a Nellie. Eu quero perguntar: quem não chorou assistindo? Que voz é essa? O Zach chorou, o Ryan chorou! Mas ela ouviu bastante. Ela é o tipo de competidora que o Ryan e os outros lutam para colocar dentro de Glee. Por fim o Ryan falou: "se você voltar, tente representar algo que você não é." E ela completou "Fake it until you make it."








No fim das contas, o Charlie saiu. Não que seja completamente justo, muitas chances foram dadas para ele e apesar de eu achar que teve uma marcação com ele também, ele teve sua parcela de culpa. Seria sim injusto tirar a Nellie ou a Aylin.
Semana que vem vai ser pesado! Mas não vou dar spoilers. Vamos esperar!

por Klowy

Postagens mais visitadas deste blog

Entendendo Game Of Thrones

Game of Thrones é uma série que acaba se tornando bem difícil de explicar, e isso ocorre justamente por causa da complexidade dos personagens, que são muitos, e pela quantidade de subtramas existentes. Então, meu objetivo com esse texto é fazer com que uma pessoa que nunca viu ou que não tenha entendido muito a premissa da série, entenda de forma clara qual a principal narrativa. Nesse texto não vou entrar em detalhes sobre os personagens e subtramas (senão você ficaria horas aqui lendo), apenas vou tentar mostrar a direção e o que a série propõe.
Como todos sabem, a série Game Of Thrones (produzida pela HBO) é a adaptação dos livros de fantasia épica escritos por George R.R. Martin, que são chamados de As crônicas de gelo e fogo. Já se passaram a 1° e 2° temporada, adaptando o primeiro (A guerra dos tronos) e o segundo (A fúria dos reis) livro, respectivamente. E nesse domingo é a estreia da terceira temporada, que irá adaptar a primeira parte do terceiro livro (A tormenta das espadas…

O que chega em Agosto na Netflix

Trailer:

Títulos destacados do mês de agosto

Séries:

Atypical: Temporada 1: No auge dos seus 18 anos e com autismo, Sam embarca em uma jornada divertida e dolorosa de autodescoberta em busca de amor e independencia. Série original Netflix, estreia dia 11 de agosto.
Marvel - Os Defensores: Temporada 1: Assim como os Vingadores, estes quatro super-heróis da Marvel se unem para defender o planeta Terra e lutar contra o crime. Série original Netflix, estreia dia 18 de agosto.

Disjointed: Parte 1: Ruth (Kathy Bates) realizou seu sonho abrindo uma loja de cannabis medicinal, tudo de acordo com a lei. Agora, ela pode fumar um baseado quando bem entender - basicamente sempre. Série original Netflix, estreia dia 25 de agosto.

Wet Hot American Summer: Ten Years Later: Bem-vindos à reunião de 10 anos do acampamento Firewood! Estrelada pelo elenco original do filme cult e novos atores e atrizes, a série de 8 episódios mostra como está a turma do acampamento, dez anos depois. Série original Netflix, es…

TOP 5 Séries Melhores que Game of Thrones

— Vikings: "Gosto de Game of Thrones porque tem muita luta medieval, sangue..."

As lutas medievais de Vikings são muito mais intensas, extremamente constantes na série. A série também vem de uma adaptação, só que dá história da humanidade, quando exploradores, guerreiros, comerciantes e piratas nórdicos invadiram, exploraram e colonizaram grandes áreas da Europa e das ilhas do Atlântico Norte a partir do final do século VIII. A série também é muito mais viciante, sem a morosidade de diálogos vistos na série da HBO.

— Banshee:  "Gosto de Game of Thrones porque tem muitas cenas de sexo e nudez"

As cenas de sexo de Banshee são extremamente mais explícitas. Nudez é cotidiano na série, inclusive nudez frontal. E a nudez de Banshee não são como em Game of Thrones, que praticamente mostra a nudez de prostitutas, personagens secundários. Em Banshee os atores principais estão nessas cenas. Banshee também ganha no quesito violência, sangue, ação, além de ter roteiro original.

— …

O Fim de Sons of Anarchy

"Papa's Goods" 7x13 [Series Finale] (Com spoilers)
Quando a morte é a última e única saída.
E Jax encontrou na morte a solução para tudo, mas Sons of Anarchy continuará viva, até em breve criarem um remake, ou até mesmo, continuar com a série, pois margem de sobra deixaram pra isso.
O fim de Sons of Anarchy tratou de mostrar o fim de Jax Teller, aquele se tornou protagonista da série, mas nem sempre foi assim. As primeiras temporadas eram comandadas por Clay, que revesava o papel principal com Jax, mas nem de longe as ações que ambos exerciam eram o mais importante da série.
Sons se destacou pelo conjunto de personagens e por ações em conjunto, alinhado às situações nada pacíficas da família Teller. Portanto, com o fim de Jax Teller, a série termina, mas, diferente da maioria das séries, o enredo sobreviveria "tranquilamente" sem Jax.
Ademais, a saída para "resolver" tudo foi a morte. Jax "morreu", mas foi para o "outro mundo" de a…

Agenda de Séries

Agenda de séries:

Fique por dentro das séries que vão ao ar no dia nos Estados Unidos com essa super agenda.  Dúvidas, críticas elogios... Caso haja algum erro na agenda, mencione-o nos comentários.