Primeiras impressões - Continuum




Surgiu minha nova queridinha da Summer Season!

Todos sabem que Summer Season é período de vacas magras, poucas séries de qualidade vão ao ar nessa época e dificilmente duram muito, mas quando uma ou outra se destaca e mostra um bom roteiro com uma boa produção, ela vira a minha queridinha e minha forma de aplacar a falta das séries da Fall Season, assim como Suits fez ano passado, Continuum fez esse ano.
Adorei a série, personagens, atores, roteiro, produção e principalmente a trama, enfim, posso dizer que a série me fisgou no primeiro episódio.

Continuum mostra Kiera Cameran, uma policial do ano de 2077, um futuro dominado pelas corporações privadas por causa do governo falido que vendeu o direito de governar para essas corporações e essas corporações retiraram a democracia e impuseram uma espécie de ditadura.
Quando uma organização extremista que luta pela liberdade tenta fugir para o passado e mudar o futuro, Kiera se vê obrigada a ir junto para impedir isso. O que é estranho, pois a sinopse dá a entender que Kiera foi para o passado por escolha dela, porém, obviamente não foi isso que aconteceu. Afinal, ela correu para impedir uma tentativa de fuga, o que ocorreu do mesmo jeito, mas ela não tinha como saber que eles voltariam para o passado, muito menos para 2012.

Aparentemente a série vai seguir o mesmo caminho procedural de Person Of Interest, com a diferença que a historia principal é mais viva aqui e não acredito que eles vão prender um por episódio ou algo assim, afinal, não passa de oito presos que escaparam, mas esses presos são os piores da organização. Além disso, a série só vai ter 10 episódios nessa temporada, não há muito tempo para casinhos da semana.

Mesmo adorando o episódio, achei alguns probleminhas bestas, mas ainda sim são problemas. Para começar eu achei meio forçado a rápida ambientação dela ao ano de 2012, 1h depois de “pousar” no passado ela já tava dando tiros com armas que são totalmente diferentes das armas do futuro e já estava se misturando a força policial local para pegar os caras, mesmo sendo do futuro, sem identidade nenhuma e sem conhecer ninguém além de Alec, um gênio dos computadores que estava na mesma freqüência de comunicação que ela estava tentando pedir reforços. Além disso, a ambientação dos criminosos também foi muito rápida, num momento eles estavam fugindo do local de “pouso”, no outro estavam assaltando um banco e matando policiais feito formigas.
Eu aceitei, pois não tinha como eles conseguirem fazer uma ambientação mais elaborada e apresentar a trama junto com os personagens em 45min de episódio e acredito que eles vão mostrar mais esse lado nos próximos episódios.

Tirando esses pequenos probleminhas, o episódio correu bem e eu nem senti passar, Rachel Nichols me convenceu como policial Bad-ass, além de ser linda, é uma boa atriz. Adorei o twist do Alec no final, abrindo uma brecha para outra grande trama, mostrando que ele tem grande papel no futuro e que vai ser peça importante nesse quebra cabeças. Não fui muito com a cara do detetive, mas entendo que ele é peça importante nisso tudo, pois sem a ajuda dele, ela não vai conseguir ir longe. Achei épico aquele traje dela, o traje faz de tudo, desde ficar invisível até assaltar caixas bancários, gostei também da biotecnologia que os policiais do futuro têm, pelo o que eu entendi, o comunicador fica dentro da cabeça dela e quem ela se comunica pode, além de ouvir o ambiente, ver também, nesse caso, o Alec vê e ouvi tudo que ela está fazendo.
As duas teorias que ele apresentou a Kiera sobre a viagem ao passado dela são bem plausíveis e bem abordadas, ele não tem teoria de como ela veio, mas sim de como isso vai afetar o futuro.

A série tem muito a mostrar e muito potencial, se manter a qualidade desse piloto, será uma das melhores surpresas da Summer Season.
O piloto cumpriu com seu dever, que é deixar o espectador com vontade de ver mais, por esse motivo também eu acredito que vai ser um sucesso, pois o piloto teve uma audiência sólida e acredito que essa audiência vai se manter.

Evitei revelar muito sobre episódio, pois o intuito das primeiras impressões é apresentar a série, mas pretendo continuar com reviews semanais dessa série, ai sim eu aprofundarei mais nos episódios.
Até a próxima!
Tecnologia do Blogger.