Previously on: Community 3x12 - 3x16




Nos últimos dias muita gente tem reclamado de uma queda de qualidade em Community. O que já digo ser um julgamento injusto, ainda que a serie tenha escorregado um pouco (nos episódios 3.13 e 3.14 principalmente) isso não é argumento suficiente para dizer que a serie já não é tão criativa quanto antigamente. 

Esta claro que nesses últimos episódios o roteiro tem focado muito nos defeitos dos personagens (como o narcisismo de Jeff ou a loucura de Abed), entretanto a empreitada tem rendido grandes momentos na serie, o episódio 3.16 - Virtual Systems Analysis pode até não entrar para o rol dos mais incríveis da série, mas certamente a interação de Annie e Abed no “sonhatório” foi uma das coisas mais divertidas que já vimos nesses últimos tempos, não só porque rendeu momentos engraçados, mas também porque proporcionou uma dinâmica incrível entre os dois personagens. È bom ver personagens crescendo dentro de uma comedia, vimos aqui Abed ganhando um pouco de empatia e Annie aprendendo que nem tudo estará sobre o seu controle e que a amizade significa também fazer concessões, mesmo que seja a loucura do outro. Isso é algo que não vemos em comedias como The Big Bang Theory e Modern Family, por exemplo, em que os personagens raramente fazem introspecções sobre os seus defeitos e conflitos. 


Também foi divertido ver a obsessão de Jeff em descobrir porque Blade foi mais marcante para Britta do que ele no episódio 3.15 - Origins Of Vampire Mythology. Isso ajudou o personagem a conhecer um pouco de si mesmo e conseqüentemente ajudará a melhorar sua relação com os outros personagens (com Annie principalmente... esperamos).

Community continua com a sua loucura habitual, como todas as referencias a cultura pop e a sua ousadia narrativa a qual estamos acostumados, a diferença é que agora temos novos elementos nas dinâmicas dos personagens o que faria muita diferença se tivéssemos 6 ou 7 temporadas da série (o que sabemos que não vai acontecer). 


Nesses episódios tivemos grandes momentos, entre eles podemos citar:
  • A caracterização dos personagens em personalidades com quem tem “semelhanças” ficou muito divertida, bem como a idéia de Chang ter estagiários (aka. Pequenas sementes do mal). (3x12)
  • 3.14 Pillows And Blankets pode não ter sido o episódio mais divertido, mas a quantidade de referencias a cultura pop e a estrutura de documentário dando a guerra de travesseiro uma escala épica deixam claro que Community está longe de perder a mão.
  • O reitor Dean Pelton no estilo duas caras foi uma de suas caracterizações mais icônicas. Sem mais. (3x16) 

Acredito que por mais que tenha voltado com um ritmo diferente depois do hiato Community continua indubitavelmente a melhor comedia da atualidade. 

Notas: 

3.12 - Contemporary Impressionists: 8/10 
3.13 - Digital Exploration Of Interior Design: 6/10 
3.14 - Pillows And Blankets: 7/10 
3.15 - Origins Of Vampire Mythology: 8/10 
3.16 - Virtual Systems Analysis: 10/10
Tecnologia do Blogger.