Person of Interest "Identity Crisis" 1x18




Depois de 18 episódios, Person of Interest ainda consegue surpreender.

A máquina escolhe um CPF, porém, o número está ligado a duas pessoas. Como saber qual número deverá ser investigado? O jeito, é claro, é investigarem os dois. Então, mãos a obra: Reese para um lado e Finch para o outro. Claro que a bomba tinha que explodir nas mãos de Finch, não é verdade? Pois bem. Nosso gênio levou um "boa noite Cinderela" a base de ecstasy e quase teve seus miolos queimados. Felizmente foi salvo por Fusco - personagem importantíssimo para a resolução do caso - mas tenho certeza que arrancou várias gargalhadas de todos, especialmente pela magnífica interpretação do "drogado" Michael Emmerson. Nenhuma novidade.

Mas a resolução do caso foi simples. Até demais. Esperava mais ação, principalmente nas cenas finais. Foi tudo resolvido mais socialmente, dessa vez. Mas foi bom.

Enquanto o trio quebrava a cabeça com o caso, a Detetive Carter (uma das peladex do mês da revista americana Allure) era pressionada por seus superiores do FBI. Há uma investigação federal secreta, onde o "objeto" em questão é Mr. Reese. Detalhe que o julgamento preliminar declarado à Carter, é completamente contrário ao que ela pensa dele. Talvez era o que ela pensava, mas atualmente, Carter é só Love por Reese. Esse plot tende-se a ser um dos assuntos principais a serem explorados na reta final da temporada.

Foi um episódio bom. Não dos melhores da série, mas foi divertido.

Nota: 6/10
Tecnologia do Blogger.