Pular para o conteúdo principal

Supernatural - 7x17 - The Born-Again Identity


O melhor episódio da temporada, sem dúvidas... Estava ficando desanimada com o rumo que as coisas estavam tomando e, na verdade, ainda estou... Mas esse episódio mostrou que ainda há folego em Super.
O episódio começa com Sam surtando com Lúcifer ao seu lado. Ele corre, ele se esconde, ele usa drogas pra dormir, mas nada tira o demônio do lado dele... Lúcifer esta mais insuportável do que nunca e nós amamos isso! Bem, claro, sinto pena do Sam, mas a presença sarcástica de Lúcifer me faz rir... Depois de estar drogado e com sono, Sam foge da aparição e acaba sendo atropelado, claro, ele vai pra um hospital, o problema é que os médicos não o liberam e acabam trancando-o em uma ala psiquiátrica. Lá ele conhece Marin, uma garota que todos acham que é "psicoticamente deprimida e com tendencias suicidas", mas Sam não acredita nisso e acaba descobrindo que a garota é, na verdade, atormentada pelo fantasma do irmão morto. Claro que ele ajuda a garota a se livrar do fantasma, tudo isso com Lúcifer cantarolando em seu ouvido.

Enquanto isso, Dean esta a procura de alguém para curar Sam, ele liga para todo os nomes do diário do Bobby, mas ninguém da retorno. Ele desiste de procurar e vai pegar uma cerveja, mas foi só ele virar as costas para o diário cair da mesa e revelar um cartão com número de outro caçador. Claro que isso foi obra do fantasma do Bobby! A única coisa que me intriga é que ele sempre aparece quando tem cerveja na cena. Sério Bobby? Até depois de morto não dispensa uma cervejinha? Bem, Dean entra em contato com esse caçador e descobre que há um curandeiro que não é ligado a nenhuma magia negra e vai atrás do tal cara. O nome dele? Emmanuel. Agora imaginem a cara de Dean quando ele encontra, ninguém mais, ninguém menos que CASTIEL! Em carne, osso e cara de cachorrinho perdido. Castiel agora responde pelo nome de Emmanuel e tem uma esposa. Ele não se lembra que é um anjo e muito menos que conheceu Dean um dia. Nosso amigo Dean resolve não contar a verdade pra ele, e o leva até Sam, para que Cass possa arrumar a bagunça que ele mesmo fez. Acontece que o trajeto não é nada fácil, demônios estão por todos os lados tentando encontrar o tal curandeiro, só que nenhum deles sabe que o curandeiro é Castiel. Enquanto Dean leva uma surra de demônios, alguém chega pra ajudá-lo, nada mais, nada menos do que Meg, nossa demônia mais antiga. Ela ainda não está se dando bem com Crowley e propõe ajudar Dean a manter Cass a salvo, não sei se esse "trato" é uma boa ideia, acordos com demônios nunca terminam bem.

Emmanuel (Cass), Dean e Meg chegam ao hospital, claro que o local está cercado por demônios e Sam está sendo torturado por demônios de verdade lá dentro e não "apenas" pela sua imaginação. Felizmente, Emmanuel ouve a conversa de Meg e Dean e descobre que na verdade ele é Castiel, o anjo/amigo de Dean. Então acontece o diálogo no melhor estilo Cass e Dean, o anjo quer ajudar, mas não se lembra como matar demônios, Dean diz que é como andar de bicicleta e Cass responde "eu não sei andar de bicicleta". Ah, que saudades senti de você, Castiel. Seu pequeno anjo que não entende sarcasmo. Mesmo sem ter certeza do que fazer, ele vai até os demônios e começa a matá-los, claro que enquanto faz isso ele tem flashes dos "melhores momentos Castiel e Dean", mas também se lembra que foi um cretino e que ele causou todo o sofrimento de Sam. Após dizimar a ala dos malvados, Castiel quase vai embora, mas decide ficar e tentar concertar Sam. Mas vocês sabem que em Super nada é fácil e o anjo não consegue reconstruir o muro da cabeça de Sam, mas antes de desistir completamente ele tem uma nova ideia, trocar de lugar com Sam. O Winchester mais novo se recupera das visões de Lúcifer, porém Castiel é que fica alucinando com o seu irmão. É bem triste ver Dean deixar Castiel trancado no hospício e fiquei ainda mais preocupada ao ver a Meg vestida de enfermeira prontinha para cuidar dos doentes. Não sei se Dean sabe que ela está lá e se sabe, que acordo eles fizeram?

Esse episódio teve participação dos melhores personagens da série (incluindo o fantasma do Bobby), só faltou o Crowley dar o ar da graça. Devo dizer que estou mais ansiosa pelo resultado da história do Cass do que os leviatãs. O que acharam? Também teve gente pirando nesse episódio?

Comentários

  1. Fiquei feliz com a volta do Castiel. Esse período "de molho" é, provavelmente, só um suspense pra ele voltar a ajudar.

    ResponderExcluir
  2. Ai sim, um ep da "golden age" do super... num ep desses eu penso... putzzz tem bala na arma ainda, mas vem a pergunta? "PQ NÃO VOLTA A SER ASSIM?" ... Sei que voltar e voltar poderiam transformar supernatural em um Dragon Ball, ou seja, uma enrrolação incoerente... mas juro, eu preferia assim do que como está... o ep foi animal Cass e Luci sensacionais... mas e a regularidade da série? Bom deixe-me explicar (sou chato assim mesmo) vi a promo do próximo ep e me deixou mais puto do que ansioso, normalmente (acho que é a função da promo ) eu ficaria curioso mas NÃO... eu esperaria que falassem da guerra fria citada pela Meg ou sobre o desaparecimento do Frank ou a PORRA dos Leviatãs... mas nãoo vão chupinhar o CHAMADO e as minininhas dos filmes de terror... e ainda chamam de SHOUJO .... até onde eu sei SHOUJO é um tipo de manga destinado a meninas... sério estou com muito medo de daqui a pouco eles terem de caçar POKEMONS.... o ep foi ótimo... achei ele melhor que os dois últimos da sexta temporada, mas ainda não me convenceu a acreditar no destino de super... assisto pelo que já foi e por que gosto muito, só me deixa chateado ver a série se arrastando.

    PS.: To sem saco para revisar, malz ai galera.

    ResponderExcluir
  3. E outra coisa que me deixa chatiado faltam 5 eps só... e ai esse monte de coisa aberta, do nada vão lá e matam os leviatãs e já era? Fica a pergunta...

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Agenda de Séries

Agenda de séries:

Fique por dentro das séries que vão ao ar no dia nos Estados Unidos com essa super agenda.  Dúvidas, críticas elogios... Caso haja algum erro na agenda, mencione-o nos comentários.

Entendendo Game Of Thrones

Game of Thrones é uma série que acaba se tornando bem difícil de explicar, e isso ocorre justamente por causa da complexidade dos personagens, que são muitos, e pela quantidade de subtramas existentes. Então, meu objetivo com esse texto é fazer com que uma pessoa que nunca viu ou que não tenha entendido muito a premissa da série, entenda de forma clara qual a principal narrativa. Nesse texto não vou entrar em detalhes sobre os personagens e subtramas (senão você ficaria horas aqui lendo), apenas vou tentar mostrar a direção e o que a série propõe.
Como todos sabem, a série Game Of Thrones (produzida pela HBO) é a adaptação dos livros de fantasia épica escritos por George R.R. Martin, que são chamados de As crônicas de gelo e fogo. Já se passaram a 1° e 2° temporada, adaptando o primeiro (A guerra dos tronos) e o segundo (A fúria dos reis) livro, respectivamente. E nesse domingo é a estreia da terceira temporada, que irá adaptar a primeira parte do terceiro livro (A tormenta das espadas…

O Fim da Saga Red John em "The Mentalist"

Por Jaqueline Pigatto
Chegou ao fim uma das maiores sagas dos seriados da atualidade. Patrick Jane finalmente colocou as mãos em Red John, o serial killer que matou sua esposa e filha. A série, que teve início há 6 anos, sempre focou na busca do protagonista por vingança, com Red John sempre alguns passos à frente, criando mais perguntas para as poucas respostas que conseguíamos, praticamente entrando na mente de Jane e roubando uma memória feliz, até conseguindo sua lista de suspeitos, revelada ao final da quinta temporada.
A partir dali sabíamos que o momento tão esperado chegaria. A produção confirmou: vamos descobrir nessa temporada quem é Red John. Os 7 suspeitos da lista eram personagens que frequentemente passavam pela série, em sua maioria policiais ou ligados ao governo. Pessoas de poder e influência. Mas poucos fãs acreditavam que realmente seria um daqueles. Sempre teve a teoria de que o Red John seria o próprio Patrick Jane. O bizarro Brett Partridge era uma das principais…

Especial: TOP 5 séries que você não deve assistir com a sua mãe

Olá, leitores! Hoje não é um dia qualquer, não é um simples domingo onde você, caro leitor, comerá um pedaço de pizza do sábado à noite no almoço, porque hoje é o dia das mulheres da vida de cada um de vocês, das mulheres que consideram sagradas. Hoje é dia das mães! O Viciado Em Série não poderia deixar de prestar sua homenagem, contudo, decidido a fazer algo diferente do bom e velho “TOP 5/10 Mães de Séries/Filmes”, segue o "TOP 5 Séries Que Você Não Deve Assistir Com a Sua Mãe".
5º Lugar - Game of Thrones

Uma série da HBO para maiores de 18 anos cheia de nudez, cenas de sexo, incesto, orgias, guerras, violência de todos os tipos, entre outras situações embaraçosas. Game of Thrones, definitivamente, não é o tipo de série para você assistir ao lado da sua querida e sagrada mãe, afinal, qual filho não fica constrangido diante uma cena de sexo em um filme aleatório sendo assistido junto dela? Agora imagina uma cena dessas entre dois irmãos... Pois é, MELHOR NÃO! 
4º Lugar – Tr…

TOP 5 Séries Melhores que Game of Thrones

— Vikings: "Gosto de Game of Thrones porque tem muita luta medieval, sangue..."

As lutas medievais de Vikings são muito mais intensas, extremamente constantes na série. A série também vem de uma adaptação, só que dá história da humanidade, quando exploradores, guerreiros, comerciantes e piratas nórdicos invadiram, exploraram e colonizaram grandes áreas da Europa e das ilhas do Atlântico Norte a partir do final do século VIII. A série também é muito mais viciante, sem a morosidade de diálogos vistos na série da HBO.

— Banshee:  "Gosto de Game of Thrones porque tem muitas cenas de sexo e nudez"

As cenas de sexo de Banshee são extremamente mais explícitas. Nudez é cotidiano na série, inclusive nudez frontal. E a nudez de Banshee não são como em Game of Thrones, que praticamente mostra a nudez de prostitutas, personagens secundários. Em Banshee os atores principais estão nessas cenas. Banshee também ganha no quesito violência, sangue, ação, além de ter roteiro original.

— …