Pular para o conteúdo principal

Alcatraz: 1x03/04 - "Kit Nelson" / "Cal Sweeney"




Alcatraz tinha tudo para ser uma serie envolvente, certamente uma das grandes apostas para 2012, mas seguindo os exemplos de Falling Skies e The Walking Dead o roteiro do show só nos entregou uma serie enfadonha e desinteressante. Nestes 4 episódios exibidos a trama parece não ter desenvolvido e o pouco (quase nada) mostrado sobre a mitologia da serie não conseguiu empolgar, não será surpresa se muitos abandonarem o barco depois do péssimo “Cal Sweeney”. 

Alem dos vários furos no roteiro (que não valem a pena serem citados) o principal problema da serie são os personagens: na minha primeira review já tinha exposto o quão desinteressante era Emerson Hauser, bem certamente o personagem tem lá seus motivos para ser o babaca que é, mas o que me impressiona é o fato do quão passiva Rebecca é diante do silencio e da atitude de Emerson. È estranho que uma personagem que supostamente deveria carregar a trama não tenha interesse em entender o mistério que cerca a volta dos prisioneiros e nem questione o que é feito com eles depois de capturados. 

Diego Soto é o único que realmente pareceu se importar com algo, no terceiro episódio é o personagem que questiona as atitudes de Emerson e é o único que se esforça na perseguição ao vilão da semana, uma vez que sabe que se não o fizer uma criança será assassinada. 

Até aqui a serie não mostrou ser nada alem de ser um procedural mal desenvolvido, ao analisarmos todos os criminosos que foram mostrados somente Jack Sylvane (o fugitivo do 1º episódio) realmente foi um caso interessante, isso porque ele parecia saber que algum fator chave para a mitologia da serie, mas os que vieram em seguida não acrescentaram absolutamente nada a historia em geral e se mostraram personagens trabalhados porcamente. Assassinos sem motivações aparentes ou mal apresentadas não serão o suficiente para segurar a trama. 

Ainda não desistirei de Alcatraz, mesmo porque a produção passou por reformulações e troca de produtores e a promessa é que a trama seja melhor trabalhada nos próximos episódios, mas ainda sim fica difícil acreditar que a serie ira ter uma reviravolta interessante. Mas o que esperamos é simples: que Rebecca mergulhe fundo nos mistérios, que os fugitivos sejam bem trabalhados e que acima de tudo que o mistério nos envolva. Enquanto isso tudo não acontece... Paciência.

Comentários

  1. Eu vi até o terceiro episódio, ainda não vi o quarto, mas concordo com o que você falou...
    Acho que o Hurley (e não adianta que não vou chamar ele por outro nome) é o único personagem decente da trama... Se bem que tem algumas coisas interessantes, como o médico ser o mesmo da prisão e a moça que levou o tiro (e eu não lembro o nome) ter a mesma aparencia de décadas atrás. Aparentemente ela também voltou do passado.
    Pra mim até que não está sendo tão ruim, eu já esperava algo bem porquinho vindo do JJ ;x

    ResponderExcluir
  2. Eu não compararia Alcatraz à Falling Skies, porque FS é ridícula. Não tem só problemas de desenvolvimento de personagens, tem furos de roteiro bisonhos.

    O que eu acho é que toda série às vezes demora um pouco a engrenar e no caso de procedurals isso é mais crítico. Em Person of Interest eu também tinha ficado meio desanimado no 4º e 5º episódios, mas os caras acertaram a mão depois. Fringe também demorou a empolgar no começo, até achar o ponto de saber como mesclar os casos da semana com a mitologia da série.  E aí quando você não tem mitologia e o caso da semana é fraco, fica um saco mesmo.

    Mas tenho fé que eles vão achar o ponto certo, tem que dar tempo pros caras. Se teve reformulação e troca de produtores então é sinal de que eles mesmos viram problemas. Além do mais, eu confio no J.J. e o Jack Bender também está lá. Mlehor que isso só se chamarem Darlton (e eu não tô dizendo que é pra fazer cópia de Lost! :-) )

    ResponderExcluir
  3. Realmente. Concordo com cada vírgula. Tinha gostado dos primeiros episódios, mas temia que viessem com procedurais com um nível inferior na sequência. Parece que tava adivinhando. Péssimos episódios mesmo. Sonífero puro. Nada relevante acontece.
    O problema - citando o comentário do Rodrigo - é que a FOX não vai dar tempo para Alcatraz engrenar, se é que vai engrenar. A audiência não foi aquela coisa e já vem caindo. Está com números menores do que Terra Nova. Se continuar assim, cancelam Alcatraz e renovam Terra Nova. A série tinha que vir com tudo! Não veio com nada, praticamente.

    ResponderExcluir
  4. Ainda não tive coragem/tempo de assistir ao piloto e vocês estão me desestimulando mais! hahahah

    ResponderExcluir
  5. Alcatraz não está no meu top 5 de séries preferidas, mas não é de todo mal. Dá sim pra assistir, fora que o Soto vale a pena porque ele é muito engraçado e carismático, então eu continuo dando chances a série. Afinal de contas sou meio masoquista com séries que já estão desacreditadas pela maioria... hehehe

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Agenda de Séries

Agenda de séries:

Fique por dentro das séries que vão ao ar no dia nos Estados Unidos com essa super agenda.  Dúvidas, críticas elogios... Caso haja algum erro na agenda, mencione-o nos comentários.

Entendendo Game Of Thrones

Game of Thrones é uma série que acaba se tornando bem difícil de explicar, e isso ocorre justamente por causa da complexidade dos personagens, que são muitos, e pela quantidade de subtramas existentes. Então, meu objetivo com esse texto é fazer com que uma pessoa que nunca viu ou que não tenha entendido muito a premissa da série, entenda de forma clara qual a principal narrativa. Nesse texto não vou entrar em detalhes sobre os personagens e subtramas (senão você ficaria horas aqui lendo), apenas vou tentar mostrar a direção e o que a série propõe.
Como todos sabem, a série Game Of Thrones (produzida pela HBO) é a adaptação dos livros de fantasia épica escritos por George R.R. Martin, que são chamados de As crônicas de gelo e fogo. Já se passaram a 1° e 2° temporada, adaptando o primeiro (A guerra dos tronos) e o segundo (A fúria dos reis) livro, respectivamente. E nesse domingo é a estreia da terceira temporada, que irá adaptar a primeira parte do terceiro livro (A tormenta das espadas…

O Fim da Saga Red John em "The Mentalist"

Por Jaqueline Pigatto
Chegou ao fim uma das maiores sagas dos seriados da atualidade. Patrick Jane finalmente colocou as mãos em Red John, o serial killer que matou sua esposa e filha. A série, que teve início há 6 anos, sempre focou na busca do protagonista por vingança, com Red John sempre alguns passos à frente, criando mais perguntas para as poucas respostas que conseguíamos, praticamente entrando na mente de Jane e roubando uma memória feliz, até conseguindo sua lista de suspeitos, revelada ao final da quinta temporada.
A partir dali sabíamos que o momento tão esperado chegaria. A produção confirmou: vamos descobrir nessa temporada quem é Red John. Os 7 suspeitos da lista eram personagens que frequentemente passavam pela série, em sua maioria policiais ou ligados ao governo. Pessoas de poder e influência. Mas poucos fãs acreditavam que realmente seria um daqueles. Sempre teve a teoria de que o Red John seria o próprio Patrick Jane. O bizarro Brett Partridge era uma das principais…

Especial: TOP 5 séries que você não deve assistir com a sua mãe

Olá, leitores! Hoje não é um dia qualquer, não é um simples domingo onde você, caro leitor, comerá um pedaço de pizza do sábado à noite no almoço, porque hoje é o dia das mulheres da vida de cada um de vocês, das mulheres que consideram sagradas. Hoje é dia das mães! O Viciado Em Série não poderia deixar de prestar sua homenagem, contudo, decidido a fazer algo diferente do bom e velho “TOP 5/10 Mães de Séries/Filmes”, segue o "TOP 5 Séries Que Você Não Deve Assistir Com a Sua Mãe".
5º Lugar - Game of Thrones

Uma série da HBO para maiores de 18 anos cheia de nudez, cenas de sexo, incesto, orgias, guerras, violência de todos os tipos, entre outras situações embaraçosas. Game of Thrones, definitivamente, não é o tipo de série para você assistir ao lado da sua querida e sagrada mãe, afinal, qual filho não fica constrangido diante uma cena de sexo em um filme aleatório sendo assistido junto dela? Agora imagina uma cena dessas entre dois irmãos... Pois é, MELHOR NÃO! 
4º Lugar – Tr…

A Fantástica Última Temporada de The Killing

(Com spoilers)

Uma aula de como encerrar uma série.
The Killing recusava a nos deixar. Sofreu dois cancelamentos e foi resgatada duas vezes. Lutou contra os números de audiência, única coisa que interessava para o AMC, e conseguiu sobrevida graças à sua qualidade, prontamente reconhecida pelo Netflix. Ajudou na produção da terceira temporada e bancou sozinha a sua quarta, pois, felizmente, acreditou na série e não nos deixou órfãos, depois daquele excepcional cliffhanger.
Terminamos a terceira temporada presenciando Linden matar cruelmente (e merecidamente) Skinner, aos gritos de "NÃO" de Holder. Tempos depois fomos noticiados que não veríamos mais nada além daquilo, pois o AMC decidiu cancelar a série, fato que trouxe muita tristeza para o seu telespectador. É uma crueldade que fazem com o telespectador, mas é, infelizmente, uma prática comum na TV, pois não respeitam nada além de lucro, e deixam de contar uma história sem mais nem menos, se lixando para seus clientes. 
E a …