Supernatural - The Road so Far




Isso mesmo, voltamos! Estava pensando na melhor maneira de retornar aos posts e pra entrar no ritmo novamente e encontrei um ótimo jeito, irei fazer um balanço da temporada de Supernatural! Afinal, eles voltaram e precisamos relembrar de tudo o que aconteceu até aqui. Preparados?

A temporada começa com Castiel dando uma de Deus e detonando com todo mundo que ele acha que não é merecedor. O problema é que para se tornar Deus, ele precisou “devorar” um monte de almas e teve a brilhante ideia de abrir a porta do purgatório, o problema é que quando Cass abriu a porta do purgatório, ele também libertou outra coisa, seres mais antigos que os anjos e mais perigosos. Incapaz de suportar a força deles dentro de seu corpo, Castiel explode (sei lá, eu acho que foi isso) dentro de um reservatório de água da cidade e as coisas que estavam dentro dele agora estão soltas e podem chegar a qualquer lugar. De tão perigosas e difíceis de matar que são essas "coisas", Deus as prendeu no purgatório.

Dean e Sam não tem tempo pra lamentar a morte de Castiel, logo eles descobrem que as criaturas que mataram o anjo são Leviatãs e ainda não tem a menor pista de como matá-los. Há vários episódios não ligados a trama central e não vale a pena citá-los, a maioria foge muito da trama e não acrescenta muito além de alguns pontos na personalidade e relacionamento dos irmãos. Minha esperança é que a temporada passada também se perdeu em vários pontos, mas no final acabou sendo boa, não espetacular, mas foi legal.

Uma das coisas que Serah trouxe para Supernatural foi a sutileza, deve ser o lado feminino falando mais alto. Isso mesmo, durante a série há vários e vários momentos tão sutis que se você não estiver ligado acaba perdendo dicas importantes sobre o enredo. Por exemplo: vocês acham que Lúcifer se foi, não é? Que Sam não tem mais visões com ele... Pois eu diria que estão enganados. Já notaram as várias vezes que Sam aperta a cicatriz que ele tem na mão? Aquela cicatriz que ele fez no dia em que Dean confrontou o irmão em um galpão... Pois então, acham que ele aperta por diversão? Não, ele não gosta de sentir dor.. é o jeito dele de voltar pra realidade, então eu acho que ele ainda vê Lucifer, nós é que não vemos... Só estou esperando o episódio em que vai mostrar Sam pirando de vez e perdendo o pouquinho de razão que ainda resta.
Querem mais? Ok... O episódio passado 7x11, Dean e Sam estão abrindo uma cerveja, conversam por algum tempo e... Cade a cerveja do Dean? Ele não bebeu, Sam não bebeu... Então, quem foi? Será que foi o Bobby? Bem, Serah já disse que veremos Bobby outra vez na temporada, então, talvez seja ele tentando entrar em contato com os 'garotos'.

Bom, tudo são suposições... Vamos ao que importa. O episódio "Adventures In Babysitting" foi o primeiro depois da pausa e não foi dos melhores... Esperava mais do episódio pós morte Bobby, alias, Dean e Sam estão muito "fortes" após perderem os dois melhores amigos. Cass se foi e Bobby levou um tiro no meio da testa. Dean está com sede de vingança em nome de Bobby e Sam está seguindo a vida como se nada houvesse acontecido. Oi? Só eu vejo alguma coisa errada aqui? Quando o pai morreu Dean destruiu o carro e Sam tinha uma necessidade quase patológica de conversar sobre isso. Agora Bobby, que era um segundo pai deles, morre e ninguém faz nada? Acho que isso precisa ser melhor trabalhado... O episódio da morte foi sensacional. Eu chorei o episódio todo. Aí eles voltam e não acontece nada? Ok, deixo essa passar em nome do episódio seguinte "Time After Time After Time" tinha que ser bom de qualquer maneira, afinal tinha o Logan! Ok, ele não era o Logan (Veronica Mars), era Chronos, o Deus do tempo, mas tenho um apego pelo personagem de VM. Dean se sentindo quase um Intocável ao lado de Eliot Ness (que descobriu-se ser um caçador). A história é bem escrita, os momentos cômicos são ótimos com o timming perfeito e ideia de Dean deixar a carta para Sam encontrar no futuro foi muito boa, totalmente “de volta para o futuro”.

Agora nos resta saber qual o rumo dos próximos episódios... Uma próxima temporada é quase certa, será que Super ainda mantém o ritmo sem dois dos maiores apoios de Sam e Dean?
Tecnologia do Blogger.