Californication: 5x01 - “JFK to LAX” (Season Premiere)


“Não consigo acreditar que nós não transamos há dois anos, nove meses, três semanas e sessenta e nove horas.”

Dois anos e meio se passaram, mas, com exceção da mudança para NY e a publicação de um novo livro (Californication, que criativo!), nada mudou na vida de Hank Moody. Principalmente ele.
Hank começou a temporada deixando em NY mais uma mulher enfurecida, depois de sugerir a ela que tivessem apenas uma relação casual, e foi para LA após Charlie chamá-lo para um possível emprego como roteirista de um filme para o ator Samurai Apocalypse.

Já no vôo, se engraçou com mais uma linda mulher e só não foi até o fim com a “moça” no banheiro do avião porque uma velha enxerida resolveu atrapalhá-lo. Saiu do aeroporto sem nem mesmo conseguir o nome dela, mas como sempre acabamos descobrindo que Hank se meteu em mais uma encrenca, uma vez que a moça é “apenas” a namorada do tal Samurai Apocalypse. Hank, Hank...

Enquanto isso vimos que os demais personagens principais deram continuidade às suas vidas, porém a sombra de Mr. Moody pode ainda ser percebida  nas vidas de Karen e Becca.

Karen agora está morando junto com seu ex-professor e antigo caso professor-aluna de sua época de faculdade, Richard Bates (aquele que Hank fez ter uma recaída da bebida na 3ª temporada e sair andando pelado – para depois ainda sair na mão com ele no fim da temporada). O que aconteceu com Ben (o cara que Karen estava namorando no final da temporada passada) não se sabe, porém é interessante ver que Bates, apesar de mais centrado e responsável, é apenas um Hank mais comportado, o que sugere que Karen definitivamente ainda não se esqueceu de Mr. Moody.

Já Becca arrumou um namorado mais velho e metido, para desespero de Hank (e também de Bates), porém o jovem arrogante que Hank tem vontade de esganar na verdade se parece muito com uma versão mais jovem de Mr. Moody, algo que foi claramente dito a Hank por Karen.

E a família Runkle? Bom, mesmo com Marcy morando com Stu  depois de ter tido um filho de Charlie, ela continua a mesma trapalhona de sempre, permitindo (sem querer) até  que seu filho de 2 anos a veja fazendo sexo com Stu. Já Charlie não tem jeito,  continua o mesmo f****o de sempre, porém agora ele finalmente conseguiu alcançar seu objetivo de ter transado com 100 mulheres! E aí, Charlie, o que fazer agora?

Enfim, muitas confusões prometem mais uma vez rechear esta temporada de Californication. A trama ainda não está clara e não dá para saber exatamente o tamanho das confusões que Hank causará nesta volta a LA, uma vez que este primeiro episódio serviu apenas para nos apresentar a situação atual dos personagens após o salto temporal de dois anos e meio, porém, como sempre podemos esperar muitas risadas e trapalhadas de Hank e Cia.

Welcome back, Mr. Moody!
Tecnologia do Blogger.