Previously on Revenge




Eu tentei largar Revenge, mas não consegui.

Não consegui porque a trama é realmente bem interessante. Por mais que tentava achar defeitos (graves) na série, eu não conseguia. Não é uma baaaaita série, mas é uma das melhores (menos piores) séries estreantes de drama desse fall season. A sua principal vantagem é que ela te prende a todo momento, aguçando a sua curiosidade, forçando você acompanhar o próximo episódio.

A estrutura da série lembra um pouco a série Dexter (Só estrutura, calma!). Emily Thorne é a "serial killer" de Revenge, porém ela não mata. Apenas arruina a vida das pessoas responsáveis por ter levado seu pai a prisão, consequentemente a sua morte. A cada episódio ela vai atrás de uma pessoa listada por seu pai quando vivo, e a deixa arrasada, falida, desesperada, deixando a vida da pessoa em profunda desgraça. Paralelamente, acompanhamos detalhes sobre o passado de Emily/Amanda através de flash backs, ilustrando a história e acrescentando detalhes importantes ao enredo.

Confesso que curti todas as vítimas de Emily até agora, em especial a psicóloga do episódio 4.

De repente, quando começo a acostumar com o ritmo da série, eles vêm com um episódio atípico, incrementando na história, um assassinato, justamente de uma das vítimas de Emily. Quebrando as pernas desse que vos escreve, pois já estava imaginado a temporada com início meio e fim de forma mecânica. Nesse último episódio exibido até agora, o "Guilt", mudou toda a minha visão, e claro, pra melhor. Quanto mais nuances forem acrescentadas nessa trama que já é boa, melhor.


O elenco é médio, porém destaco, além da protagonista, a vilã da série. Victoria Grayson, interpretada pela excelente atriz Madeleine Stowe (Raines, The Christmas Hope), dá o tom que a série precisa. É uma típica vilã manipuladora, sedenta por poder, acrescida de beleza, sensualidade e elegância. Com um olhar intimidador e um sorriso sínico, a personagem se destaca como uma das melhores da série, até o momento.

Geralmente não gosto de séries com episódio baseados em assuntos isolados por semana, porém no caso de Revenge, a trama semanal não é cansativa, além de entrarem afundo no assunto principal da série a todo momento. Acho que a série tem muito ainda a crescer, mais os cinco episódios até agora já exibidos são de qualidades. Se mantiverem os próximos episódios nesse nível, está ótimo.

A audiência da série está estável, com média de 8 milhões de espectadores, com 2.5 na demo. Se continuar assim, acredito que será renovada. As vítimas atuais de Emily até agora, não estão mortas, deixando assim, muitos assuntos que poderão ser explorados em uma possível 2ª temporada.

Tecnologia do Blogger.