Breakout Kings: Balanço da 1ª Temporada




Breakout Kings. A nova série dos criadores de Prison Break que veio com pinta de ser uma mistura de Hawaii Five-0 com Prison Break, chega ao final de sua temporada de estreia sem empolgar, e comparando com as expectativas que eu tinha ao seu início, considero-me decepcionado.

Não que a série seja ruim ou a minha expectativa que era enorme, mas pela trama prometida, participações especiais e por estarmos órfãos pelo fim de Prison Break, Breakout Kings não esteve nem perto de ser a série que imaginava.

Os episódios praticamente não tem conexão. Você pode assistir o quinto, depois pular pro nono e voltar para sétimo que não fará a menor diferença e particularmente, odeio série assim. Essa é a principal semelhança que relacionei com Hawaii Five-0, mas pelo menos a série policial da ilha tem uma trama principal (fraca, mas tem) e em Breakout Kings, simplesmente não houve.

O clima Prison Break esteve presente o tempo todo na série, mas as fugas mostradas não chegaram nem a um décimo da genialidade mostrada por Michael Scofield. Umas foram até interessantes mas nada genial, e outras completamente pífias. Sem graça e sem nexo.

O episódio relacionado a fuga de T-Bag, foi o melhor
da temporada
As resoluções dos episódios são manjadas de mais. Chega a ser até absurdo de tanta obviedade. Basicamente os episódios são assim:

O cara foge, os Breakout Kings se reúnem, meia dúzia de conversas, vão a captura do fugitivo juntando os corpos que deixa para trás e no final, o capturam na maioria das vezes, de forma estúpida e totalmente sem graça. Todos são assim. Isso mesmo. Todos.

Não digo que foi uma perca de tempo assistir esses 13 episódios. Alguns foram bem interessantes e a maioria serviu apenas para entretenimento momentâneo. Você nunca fica ansioso para o próximo episódio e isso é um tiro no pé em se tratando de série. Mas o que me agradou mesmo na série foi o episódio "The Bag Man", onde T-Bag foi a atração principal, relembrando Fox Rivers, com aquela trilha sonora marcante.

A atriz Lauren Vélez (Laguerta de Dexter) participou do season finale e deu um show de interpretação
Seu season finale teve cara episódio comum, mas acima da média em relação aos episódios do série. Se todos os episódios fossem nesse nível e se tivessem incrementado-a com uma trama principal envolvente, não tenho dúvidas que a série faria sucesso. A sua 2ª temporada não está garantida, mas é provável que a série seja renovada pois a sua audiência se manteve em um nível satisfatório para o canal A&E.

Mas uma coisa eu garanto. Breakout Kings está cancelada da minha Watch List.

4 comentários:

  1. Pessoalmente eu gostei da série, mas ainda não tive a oportunidade de assistir o season finale ainda!
    Acredito que a série irá evoluir, sei que não chega aos pés de Prison Break, mas gosto de assistir, acho divertido, mas aguardo um episódio mais complexo, como você comentou, deve vir na próxima (possivel) temporada!
    @seasonaddicted

    ResponderExcluir
  2. Pessoalmente eu gostei da série, mas ainda não tive a oportunidade de assistir o season finale ainda!
    Acredito que a série irá evoluir, sei que não chega aos pés de Prison Break, mas gosto de assistir, acho divertido, mas aguardo um episódio mais complexo, como você comentou, deve vir na próxima (possivel) temporada!
    @seasonaddicted

    ResponderExcluir
  3. prision break é uma bosta, e breakout kings não tem ligação entre os episódios porque voce não assistiu direito. Assista com atenção suas séries meu meu amigo, terá um bom entendimento !#asno

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.