Breakout Kings: Balanço da 1ª Temporada




Breakout Kings. A nova série dos criadores de Prison Break que veio com pinta de ser uma mistura de Hawaii Five-0 com Prison Break, chega ao final de sua temporada de estreia sem empolgar, e comparando com as expectativas que eu tinha ao seu início, considero-me decepcionado.

Não que a série seja ruim ou a minha expectativa que era enorme, mas pela trama prometida, participações especiais e por estarmos órfãos pelo fim de Prison Break, Breakout Kings não esteve nem perto de ser a série que imaginava.

Os episódios praticamente não tem conexão. Você pode assistir o quinto, depois pular pro nono e voltar para sétimo que não fará a menor diferença e particularmente, odeio série assim. Essa é a principal semelhança que relacionei com Hawaii Five-0, mas pelo menos a série policial da ilha tem uma trama principal (fraca, mas tem) e em Breakout Kings, simplesmente não houve.

O clima Prison Break esteve presente o tempo todo na série, mas as fugas mostradas não chegaram nem a um décimo da genialidade mostrada por Michael Scofield. Umas foram até interessantes mas nada genial, e outras completamente pífias. Sem graça e sem nexo.

O episódio relacionado a fuga de T-Bag, foi o melhor
da temporada
As resoluções dos episódios são manjadas de mais. Chega a ser até absurdo de tanta obviedade. Basicamente os episódios são assim:

O cara foge, os Breakout Kings se reúnem, meia dúzia de conversas, vão a captura do fugitivo juntando os corpos que deixa para trás e no final, o capturam na maioria das vezes, de forma estúpida e totalmente sem graça. Todos são assim. Isso mesmo. Todos.

Não digo que foi uma perca de tempo assistir esses 13 episódios. Alguns foram bem interessantes e a maioria serviu apenas para entretenimento momentâneo. Você nunca fica ansioso para o próximo episódio e isso é um tiro no pé em se tratando de série. Mas o que me agradou mesmo na série foi o episódio "The Bag Man", onde T-Bag foi a atração principal, relembrando Fox Rivers, com aquela trilha sonora marcante.

A atriz Lauren Vélez (Laguerta de Dexter) participou do season finale e deu um show de interpretação
Seu season finale teve cara episódio comum, mas acima da média em relação aos episódios do série. Se todos os episódios fossem nesse nível e se tivessem incrementado-a com uma trama principal envolvente, não tenho dúvidas que a série faria sucesso. A sua 2ª temporada não está garantida, mas é provável que a série seja renovada pois a sua audiência se manteve em um nível satisfatório para o canal A&E.

Mas uma coisa eu garanto. Breakout Kings está cancelada da minha Watch List.
Tecnologia do Blogger.