Qual é a de "The Voice"? Primeiras Impressões

The Voice. O novo reality show da NBC, chega pra competir diretamente com o American Idol, mas digo a vocês que tem espaço para ambos. Quem acha que The Voice é o mais do mesmo, está enganado. O reality é sensacional. Confesso que estava com um pé atrás com a novidade, mas resolvi dar uma conferida e não me arrependo de nada. Já estou viciado, e não vejo a hora do próximo episódio.

A idéia do programa vem de ninguém menos que John De Mol, criador do Big Brother e com produção executiva de Mark Burnett (Survivor). Apesar do mercado americano estar um pouco saturado com produções musicais, não acredito que "The Voice" se tornará irrelevante, devido ser uma novidade, além da execução estar sendo de qualidade pela NBC, como podemos acompanhar nesse episódio piloto, e que começou com boa audiência, quase 12 milhões de espectadores.

O diferencial de "The Voice" é que em vez testes com anônimos, a produção selecionou um grupo de músicos. Todos são bons cantores. Os jurados são substituídos por treinadores, que por sua vez acompanham as apresentações dos candidatos de costa para eles. Caso o treinador goste da apresentação as cegas, aperta o botão, fazendo com que sua cadeira gire, simbolizando a escolha.


O interessante nisso tudo, é que se mais de um treinador apertar o botão, o candidato é responsável pela escolha do treinador. Caso ninguém aperte, o candidato é eliminado. Sensacional, pois primeiramente o candidato torce para pelo menos um apertar o botão e caso mais de um treinador aperte, o candidato se sente cortejado pelos artistas, que têm que brigar entre si para convencer o candidato a ficar no seu grupo, e nesse conflito, assistimos um show de muitas caras e bocas e argumentos engraçadíssimos, além de muita provocação.

Nessa primeira fase, literalmente é uma disputa entre os treinadores, que a todo custo, tentam escolher os melhores cantores para terem os respectivos grupos fortalecidos. Nessa fase, cada jurado escolherá 8 cantores, baseado apenas na sua voz. É como se os próprios jurados estivessem competindo. Na verdade estão.

Na segunda fase, os candidatos se enfrentarão literalmente em ringue musical, onde os próprios treinadores eliminarão 4 de seus escolhidos, e os quatro cantores restantes de cada treinador, irão para apresentações ao vivo, sendo julgado pelo público, onde decidirão quem é a voz da América.

A bancada de trinadores é composta por Cee Lo Green (ex-Gnarls Barkley), Blake Shelton (cantor country), Adam Levine (Maroon Five) e a linda diva pop Christina Aguilera.

Promo:


Sensacional! Diferente de tudo até hoje. Acho que The Voice sobriverá a esse mercado musical saturado, porque está fazendo o diferencial e de forma sensacional. Se cuide American Idol.
Tecnologia do Blogger.