Being Human 1x12 - "You're the One That I Haunt"


Minha nossa, que episódio foi esse!

Enfim, meu primeiro texto no Viciado em Série. Peço desculpas pelo atraso colossal, mas essa semana foi bem tensa pra mim. Enfim, sem mais delongas, vamos aos fatos.
Já era hora de conhecer a tão esperada Celine, não?
Esse foi um episódio que não podemos reclamar. A história foi bastante intensa para os três personagens, dando a cada um, o ápice de sua trama. Sally “acabando com a vida” do Danny, a fase “Celine” do passado do Aidan e ainda a dúvida que todos tiveram em relação à Nora : Wherewolf-babies crescem duas vezes mais rápido que humanos, ou ela pulou a cerca?
Acho que pra falar do Josh, preciso fazer uma pergunta: “Todos viram, que a Nora está grávida de 14 semanas, e não de 7, como sabíamos. O que explica melhor isso: Wherewolf-babies crescem duas vezes mais rápido, e ela espera um, ou ela pulou a cerca?”. Pra falar a verdade, tenho medo de ser a primeira opção, pois, logicamente eles continuariam envelhecendo duas vezes mais rápido que humanos, e nada disso foi comentado. Enfim, caso queira deixar sua opinião, comente.


Hora de falar um pouco da Sally. Ela tem passado por uns maus bocados nesses últimos episódios, hein! Mas, enfim, quando chega ao fundo do poço, Ela consegue se reerguer, fazendo o Danny cortar o próprio pescoço. Perdoem a falta de humanidade, mas eu gostei daquilo!

Hora de falar sobre o causador de boa parte das nossas emoções nesses últimos episódios. Aidan, o vampiro ancião que parece um Cullen. Cheio de pontos altos e baixos na história [sim, eu odiava a Rebecca], enfim apresenta a famosa e desconhecida “Celine” que ele carrega no peito [literalmente] com mais um episódio do que eu chamo de “Meu passado com Bishop”. Mais impressionante de tudo nessa história, é ver como eles trocaram de papel, e o Aidan deixou de ser o pé-no-saco pra ser o Vampiro Apaixonado. Realmente adoro esses flashbacks da série.

Reservei esse último parágrafo pra falar do episódio em geral, e dizer que esperava que os Holandeses aparecessem. Mas, no lugar deles, apareceu uma coisa que eu decidi chamar de cena “Holy Shit” da Season. Acho que 100% das pessoas que viram o episódio até o final sabem que estou falando da cena que aparece a porta da Sally, e o Bishop quebra a janela e enfia uma estaca no Aidan, enquanto queima por entrar em um lugar que ele não foi convidado. Mais uma vez, digo: “Minha Nossa, que episódio foi esse?”.

Espero que continue assim.

Tecnologia do Blogger.