Fringe: Review "Os" S03E16


Incrível como Fringe consegue manter o nível de qualidade, mesmo num episódio que não teve muitos assuntos ligados diretamente a trama principal da temporada, mas o que tiveram, foram simplesmente bombásticos.


O episódio teve como trama principal, a história de um cientista que fez de tudo pra reverter  a situação de paraplegia de seu filho, passando por cima de leis e sacrificando vidas inocentes. Um tema bastante interessante e que ainda não tínhamos vistos na série. Até quando irão nos surpreender com assuntos mirabolantes como esse? Depois de fazer gente flutuar, qual será o próximo evento? Não sei, mas aguardo ansiosamente. Isso é o diferencial de Fringe. Sempre nos surpreendendo.

Um pai lutando de tudo por um filho não é novidade na série, não é? Mas a trama do episódio não serviu apenas para isso. O universo está mudando e tudo devido ao choque eminente, e dessa vez Walter não conseguiu achar a solução, tendo que contar com a ajuda do cientista criminoso. Duas substancias equivalentes misturadas dando origem a outra totalmente contrária a seu peso. Um deles é o Ósmio, cujo seu símbolo "Os", dá o nome para o episódio. Walter julgou impossível e não estava errado. O universo está mudando, muitas novidades físicas aparecendo e tudo poderá acontecer.

Há não ser se Walter tiver uma ajuda de outro mundo. William Bell está de volta! Claro que não tem como sabermos como isso seria possível, mas se tratando de Fringe... O certo é que para desvendarem como poderão deter Walternativo, William Bell será fundamental. Walter até poderia caso estivesse com sua memória 100%, mas o restante que deixou serviu para pelo menos trazer Bell de volta.

Muito engraçado Walter ter achado que Nina estaria recebendo a consciência de Bell. Quem não deu inúmeras gargalhadas quanto a isso? O fato é que de alguma forma, a consciência de Bell foi para com Olívia e agora é que os mistérios serão revelados, as dúvida serão tiradas e nosso cerébro será detonado, porque em Fringe, o próximo passo é ainda mais sensacional.

E quanto a aparição do Dude nesse episódio? Serviu apenas para matarmos a saudade dele, dar algumas risadas por estar acompanhando Walter na maconha, além de divulgar o episódio. Veremos mais Jorge Garcia na série? Acho que não, infelizmente. Reveja a cena! (Com legenda)


O observador apareceu em duas cenas do episódio. Confiram:

  

Glyph Code do episódio: (Terra)


e no próximo episódio...

"Stowaway"

"Enquanto investiga um aparente suicídio, a equipe Fringe encontra uma mulher com características estranhas".

Promo:

3 comentários:

  1. Achei o episódio muito bom (mesmo sem a trama principal ser o foco dele). Além disso, concordo com "review": a presença de cenas hilárias (normalmente por conta de Walter) dá um ponto extra para a série. Muito bom o "review", parabéns.

    Twitter: rafaelf_l

    ResponderExcluir
  2. Gostei do episódio, não foi bombastico como outros que tivemos na série (ficamos mal acostumados é só ver episódio nota dez nessa série), mas foi muito bom e eu achei que a mitologia da série ficou muito presente principalmente porque evidenciou que o sequestro de Peter tambem afetou nosso mundo de alguma forma - estava ansioso por isso desde que conhecemos o outro lado -, e por falar em Peter, gostei de como mostraram seu envolvimento com Olivia, sem draminhas como muitos especulavam e espero que agora os proximos episódios mostrem que o destino dos universo dependem muito mais do que de "qual Olivia Peter vai escolher". Quero dizer, acreditar que é só isso é muito babaca para tudo o que a série mostrou, certamente Sam viu muito mais que isso quando disse essa palavras.
    Ademais: será que só eu que ri na cena da Olivia sendo "possuida" por William? E quando aquele quadro no corredor da faculdade que mostra um homem segurando um bola azul e vermelha? Seria uma especie de fusão de mundos?

    Talvez eu esteja viajando, mas como Fringe nunca foi uma série tão normal me reservo ao direito de fazer teoria malucas tambem. :D

    ResponderExcluir
  3. Achei o episódio muito bom (mesmo sem a trama principal ser o foco dele). Além disso, concordo com "review": a presença de cenas hilárias (normalmente por conta de Walter) dá um ponto extra para a série. Muito bom o "review", parabéns.

    Twitter: rafaelf_l

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.