Hawaii Five-0: Review "Loa Aloha" S01E18


"Loa Aloha". Nome do 18º episódio de Hawaii Five-0, mas se fosse o 4º, 5º ou o 11º, não faria a menor diferença. Até mesmo se você tivesse deixado de assistir, também não faria nenhuma diferença para o entendimento da série, pois, o episódio baseou-se apenas na trama semanal e deixou de lado toda a história principal da temporada. Não mencionou em nada o episódio passado e muito menos deixou uma "bomba" para o episódio seguinte. Continue lendo...

Sinceramente, sinto incomodado com esse tipo de série. Episódios não ligados ao desenvolvimento da série, pra mim é dispensável, ao não ser se tratando de entretenimento, para aquele momento e só.

Mas apesar disso, "Loa Aloha" não deixou de ser um bom episódio, uma trama envolvente e interessante, já tradicional em Hawaii Five-0. É dispensável, mas não é perca de tempo, pois como disse, é entretenimento. Claro que essa é a proposta da série desde o início e pra quem gosta deste estilo, é um prato cheio, mas não é o meu caso.

A história baseou-se em Travis, um pai que teve seu filho preso devido a uma embriaguez no volante e colocado como bote expiatório, sendo condenado a 18 meses de prisão, ocasionando sua morte. Revoltado decide fazer justiça com as próprias mãos e matar os filhos dos juízes e fazê-los sentir a mesma dor. Sempre com uma investigação inteligente baseado com a perspicácia de Steven, o trio consegue detê-lo antes que fizesse a 3ª vítima.

Disse trio, porque Danno esteve envolvido nesse episódio mais uma vez com problemas familiares. Dessa vez foi seu irmão que Mattew, que participava de um esquema onde roubava dinheiro de seus clientes. Danno custou acreditar e até certo ponto achava que era uma armação pra cima dele, mas pelo contrário, o FBI estava certo. Mattew confessou a Danno, mas não foi capaz de se entregar. Em um dos melhores momentos do episódio, Danno tenta capturar Mattew, mas o criminoso escapa com a seguinte frase. "Ou você atira em mim ou me diz adeus".

Adeus.
Tecnologia do Blogger.