Pular para o conteúdo principal

Fringe: Review “The Abducted” S03E07 "Através do Sofrimento Vem a Redenção"

Começar dizendo que foi mais um excelente episódio de Fringe, seria como chover no molhado? Sim. Mas como deixar de "encher a bola" desse episódio? Pra mim foi um dos melhores da temporada, se não o melhor.

Há episódios que é baseado mais no evento sem si do que na sequência da temporada, que não foi o caso de “The Abducted” que tratou com destaque do drama de Olívia na tentativa de voltar para casa. Convenhamos que é o que mais importa, não é?

Não tão importante mas muito relevante, a trama do episódio baseada em Candyman, sequestrador de crianças com a finalidade de roubar, literalmente a sua juventude, com base em uma seita religiosa. Fato que nos relaciona com muitas religiões de hoje que até matam pelo seus ideais, mas isso é outra história. Acontece que o filho de Broyles foi uma vítima desse "doente" e que devido a isso e com a astúcia de nossa Olívia Dunham, conseguiram capturar o bandido e seu mestre.

Mas a trama serviu muito mais do que salvar o menino raptado ou dar esperanças de tratamento para Christopher Broyles. Olívia ganhou um aliado fortíssimo. Não digo isso por Broyles não ter a entregado mas sim deverá ajudar Olívia a escapar das mãos do Walternativo. Duvidam? Não acho que Broyles deixará Olívia ser sacrificada depois de ter salvado a sua família. Aposto nisso.




E o "Walternativo"? Tenho medo desse homem daqui do universo principal. Pretende descartar nossa Olivia como não fosse nada. Sua luta é imensamente pessoal e por vingança tende a acabar com o outro universo. Muito mal. Olívia vai passar por apuros em suas mãos. Haverá uma volta de Peter e Cia ao mundo alternativo? Aposto nisso e com a ajuda de "Broyles Alternativo" como disse.

E o final bombástico do episódio? Que foi aquilo? Como eles podem deixar a gente dessa forma?
Não vejo a hora de ver a cara do Peter depois daquela ligação. O que dirá para "Olivialternativa? São tantas perguntas que estão me deixando louco, mas uma coisa podemos garantir. A série está "pegando fogo", está sensacional e as pontas para serem juntadas nos dá a certeza de que a temporada será excepcional.


Emendando o review com notícias, a série exibida a partir de janeiro, às Sextas-Feira devido a uma re-programação na grade do canal americano FOX. Acontece que geralmente quando isso acontece na FOX é sinal de cancelamento, pois, séries passadas canceladas tiveram o mesmo trajeto como The Sarah Connor Chronicles, Firefly, The 4400... mas, isso não é confirmado pela FOX e acredito que seja uma triste coincidência, pois, às quintas onde o episódio é exibido, a concorrência atual é pesadíssima com Grey’s Anatomy, CSI e The Office. Mudando de dia provavelmente aumentará a audiência, é o que penso. Espero que sim e que eles não estraguem uma das melhores séries de Sci-Fi de todos os tempos. #SaveFringe

E aí? Gostou do episódio? (marque a opção desejada abaixo)

Postagens mais visitadas deste blog

Entendendo Game Of Thrones

Game of Thrones é uma série que acaba se tornando bem difícil de explicar, e isso ocorre justamente por causa da complexidade dos personagens, que são muitos, e pela quantidade de subtramas existentes. Então, meu objetivo com esse texto é fazer com que uma pessoa que nunca viu ou que não tenha entendido muito a premissa da série, entenda de forma clara qual a principal narrativa. Nesse texto não vou entrar em detalhes sobre os personagens e subtramas (senão você ficaria horas aqui lendo), apenas vou tentar mostrar a direção e o que a série propõe.
Como todos sabem, a série Game Of Thrones (produzida pela HBO) é a adaptação dos livros de fantasia épica escritos por George R.R. Martin, que são chamados de As crônicas de gelo e fogo. Já se passaram a 1° e 2° temporada, adaptando o primeiro (A guerra dos tronos) e o segundo (A fúria dos reis) livro, respectivamente. E nesse domingo é a estreia da terceira temporada, que irá adaptar a primeira parte do terceiro livro (A tormenta das espadas…

O Fim de Sons of Anarchy

"Papa's Goods" 7x13 [Series Finale] (Com spoilers)
Quando a morte é a última e única saída.
E Jax encontrou na morte a solução para tudo, mas Sons of Anarchy continuará viva, até em breve criarem um remake, ou até mesmo, continuar com a série, pois margem de sobra deixaram pra isso.
O fim de Sons of Anarchy tratou de mostrar o fim de Jax Teller, aquele se tornou protagonista da série, mas nem sempre foi assim. As primeiras temporadas eram comandadas por Clay, que revesava o papel principal com Jax, mas nem de longe as ações que ambos exerciam eram o mais importante da série.
Sons se destacou pelo conjunto de personagens e por ações em conjunto, alinhado às situações nada pacíficas da família Teller. Portanto, com o fim de Jax Teller, a série termina, mas, diferente da maioria das séries, o enredo sobreviveria "tranquilamente" sem Jax.
Ademais, a saída para "resolver" tudo foi a morte. Jax "morreu", mas foi para o "outro mundo" de a…

Agenda de Séries

Agenda de séries:

Fique por dentro das séries que vão ao ar no dia nos Estados Unidos com essa super agenda.  Dúvidas, críticas elogios... Caso haja algum erro na agenda, mencione-o nos comentários.

TOP 5 Séries Melhores que Game of Thrones

— Vikings: "Gosto de Game of Thrones porque tem muita luta medieval, sangue..."

As lutas medievais de Vikings são muito mais intensas, extremamente constantes na série. A série também vem de uma adaptação, só que dá história da humanidade, quando exploradores, guerreiros, comerciantes e piratas nórdicos invadiram, exploraram e colonizaram grandes áreas da Europa e das ilhas do Atlântico Norte a partir do final do século VIII. A série também é muito mais viciante, sem a morosidade de diálogos vistos na série da HBO.

— Banshee:  "Gosto de Game of Thrones porque tem muitas cenas de sexo e nudez"

As cenas de sexo de Banshee são extremamente mais explícitas. Nudez é cotidiano na série, inclusive nudez frontal. E a nudez de Banshee não são como em Game of Thrones, que praticamente mostra a nudez de prostitutas, personagens secundários. Em Banshee os atores principais estão nessas cenas. Banshee também ganha no quesito violência, sangue, ação, além de ter roteiro original.

— …

O Fim da Saga Red John em "The Mentalist"

Por Jaqueline Pigatto
Chegou ao fim uma das maiores sagas dos seriados da atualidade. Patrick Jane finalmente colocou as mãos em Red John, o serial killer que matou sua esposa e filha. A série, que teve início há 6 anos, sempre focou na busca do protagonista por vingança, com Red John sempre alguns passos à frente, criando mais perguntas para as poucas respostas que conseguíamos, praticamente entrando na mente de Jane e roubando uma memória feliz, até conseguindo sua lista de suspeitos, revelada ao final da quinta temporada.
A partir dali sabíamos que o momento tão esperado chegaria. A produção confirmou: vamos descobrir nessa temporada quem é Red John. Os 7 suspeitos da lista eram personagens que frequentemente passavam pela série, em sua maioria policiais ou ligados ao governo. Pessoas de poder e influência. Mas poucos fãs acreditavam que realmente seria um daqueles. Sempre teve a teoria de que o Red John seria o próprio Patrick Jane. O bizarro Brett Partridge era uma das principais…